Arquivo da categoria: Profissional

Esteticista: O que faz um esteticista e onde trabalhar na área de estética

Ser esteticista ou trabalhar na área é um desejo de muitas pessoas nos últimos anos. 

As profissões que cuidam do embelezamento e também da saúde da pele têm gerado interesse em pessoas que estão entrando no mercado de trabalho ou em quem está pensando em mudar de profissão. 

esteticista fazendo tratamento facial

Antes de mais nada, vale lembrar que a estética é uma profissão bem antiga,  principalmente no Brasil, onde as pessoas se preocupam bastante com a beleza, motivo pelo qual o país é o primeiro no ranking mundial de cirurgias plásticas. 

Apesar de a estética não ser novidade, a profissão só foi regulamentada em 2018. Nessa data o esteticista passou a ter um regulamento oficial sobre as suas atividades. A Lei nº 13.643, publicada em 3 de abril de 2018, regulamenta as profissões de esteticista, que compreende o esteticista e cosmetólogo, bem como o técnico em estética.

Quem pode ser um esteticista?

De acordo com a regulamentação, um esteticista e cosmetólogo precisa ter o curso de nível superior com concentração nas áreas de Estética e Cosmética em uma instituição nacional. Também são válidos cursos feitos no exterior com validação do currículo pelo MEC no Brasil. 

Já um técnico em estética precisa ter o curso técnico com concentração em estética oferecido por instituição de ensino brasileira ou estrangeira. No caso da certificação estrangeira é necessário a revalidação de certificado ou diploma pelo Brasil.

tratamentos de pele

Também são reconhecidos como técnicos, os profissionais que comprovarem o exercício da profissão há pelo menos três anos, contados da data de entrada em vigor da lei. 

Mas o que faz um profissional de estética?

Um esteticista e cosmetólogo tem várias opções para seguir na carreira profissional, podendo trabalhar em lugares como, por exemplo, centros estéticos, salões de beleza, spas, hotéis, cruzeiros, ou até mesmo abrir o seu próprio negócio.

esteticista fazendo tratamento corporal

São muitas possibilidades diferentes de atuação no mercado. E vale lembrar que a profissão não cuida só da beleza de uma forma superficial, mas sim da saúde da pele e do couro cabeludo em seu conjunto.

Quais são as opções no mercado de trabalho?

Algumas atividades para se trabalhar são:

– Fazer procedimentos estéticos faciais, corporais e capilares utilizando como recursos produtos cosméticos, técnicas manuais ou eletroterapias.
– Trabalhar em pré e pós-cirurgias plásticas.
– Ser responsável técnico pelos centros de estética que aplicam recursos estéticos.
– Trabalhar na área da docência em cargos como direção, coordenação, supervisão e professor de disciplinas relativas a cursos da área de estética e cosmética.
– Fazer auditoria ou prestar consultoria e assessoria sobre cosméticos e equipamentos estéticos.
– Elaborar relatórios, pareceres técnico-científicos, estudos, trabalhos e pesquisas de mercado ou experimentais relativos à estética e à cosmetologia.
– Elaborar programas de tratamentos com base no quadro do cliente, estabelecendo as técnicas empregadas no tratamento e a quantidade de aplicações necessárias. 
Empreender na área da estética, montando o seu próprio negócio. 
– Fazer consultoria de como cuidar da pele remota ou presencialmente.
– Trabalhar com maquiagem profissional.
– Trabalhar com podologia.
– Fazer consultoria de imagem pessoal e visagismo.
– Trabalhar com depilação e design de sobrancelhas.

Quanto é o salário de um esteticista?

Primeiramente, o salário de esteticista varia muito em virtude das diferentes possibilidades de atuação, do tamanho da empresa em que trabalha e da localização desse espaço de trabalho.

Por outro lado, a profissão ainda não possui um sindicato que estabeleça normas como o salário-base para a profissão. Por isso, as remunerações são bem diversas. Mas uma busca pelo site de procura de emprego Catho mostra salários iniciais de R$ 1.000, R$ 2.000, R$ 3.000, entre outros. Muitos ainda somam ao salário comissões por serviço ou por venda de produtos. 

tratamento com eletroterapia

Você também pode optar pelo trabalho autônomo e, nesse caso, a sua remuneração será de acordo com o nicho de mercado que você escolher trabalhar.  Aqui embaixo deixamos um vídeo muito interessante falando sobre o preço versos o valor que você entrega nos seus serviços.

Agora, se você se interessar em aumentar a sua renda ou ganhar dinheiro revendendo produtos de tratamentos de pele para uso em casa, acesse este link para saber mais.

Por fim, se você tem interesse em seguir a carreira, procure um curso da área ou faça uma especialização. Desejamos que você tenha muito sucesso na sua escolha!

Lançamento para profissionais de estética: os produtos de hidratação mais desejados chegaram

Já pensou em produtos de hidratação para todas as ocasiões e que pode ser associada a qualquer outro tratamento estético que você profissional faz na sua cabine? E se, além de tudo for biocompatível com todos os tipos de peles, inclusive as sensíveis?

Então, esse e muitos outros benefícios são possíveis com os produtos de hidratação de uso profissional:

linha de produtos de hidratação da pele de uso profissional
  • Hydra Peel
  • Hydra Massage
  • Hydra Mask.

Esses dermocosméticos baseiam-se na recuperação e reconstrução não só da hidratação mas também da saúde da pele. Para isso os produtos agem em 5 frentes principais:

1 – Reparo: recupera a pele dos danos, restaura o equilíbrio hidrolipídico, reconstrói a barreira de proteção e restabelece a homeostase celular.

2 – Reposição: retém e distribui água na epiderme e derme e repõem vitamina, minerais, lipídeos e ácido hialurônico.

3 – Reforço: revitaliza as células por aumentar o ATP mitocondrial, reforça o sistema antioxidante, reativa a microcirculação e reforça a coesão das células do estrato córneo.

4 – Redução: reduz o  ressecamento, o estresse oxidativo, a produção de radicais livres e a irritação da pele.

5 – Reversão: reverte os sintomas de fotoenvelhecimento

Assim, conseguimos com isso uma recuperação dos danos e reconstrução do sistema de defesa da pele, por meio do fortalecimento da barreira de proteção e pelo reforço do sistema antioxidante. Como resultado, se tem a prevenção do estresse oxidativo e dos estímulos iniciais da cascata inflamatória. 

Quem pode usar?

Os produtos são destinados a todos os profissionais de estética que trabalham com tratamentos faciais. Pois a hidratação é necessária na pele, independente do que se está tratando. Também é indicado a todas as etnias e os fototipos, já que as formulações são biocompatíveis com a pele e não provocam sensibilidade. 

Portanto, é uma ótima opção para você profissional associar esses produtos a seus tratamentos com tranquilidade.

Novos produtos de hidratação para recuperação e revitalização da pele

Acima de tudo, os produtos de hidratação profissionais Hydra Peel, Hydra Massage e Hydra Mask, foram desenvolvidos baseados no conceito XR, que nada mais é do que as múltiplas funções desempenhadas pela linha, como:

(R)eparação
(R)eposição
(R)eforço
(R)edução
(R)eversão
Entre outros (R)s

Já que eles promovem a reconstrução da saúde da pele e vai além de uma simples hidratação.

Portanto, são 3 opções de produtos que podem ser associados a qualquer tratamento estético, seja como preparo inicial da pele ou como reforço de hidratação e reconstrução da pele durante um plano de tratamento. 

Esses produtos podem ser associados a diversos tratamentos, como por exemplo:

Vamos conhecer um pouco mais sobre cada produto agora?

Hydra Peel XR – Peeling de recuperação

Hydra peel - peeling de hidratação

O Hydra Peel XR é um peeling químico indicado para todos os tipos e fototipos de peles, incluindo as sensíveis e com rosácea.

Além disso, o peeling é seguro para usar o ano inteiro e não causa nenhuma fotossensibilidade à pele.

Ele é composto por 10% de gluconolactona que é um poli-hidroxiácido de quarta geração. Este ativo recupera e revigora a pele devido à sua ação antioxidante, hidratante e reconstrutora da barreira de proteção. Sendo assim, o Hydra Peel XR é um aliado em todos os tratamentos faciais.

Além disso, o produto aumenta a resistência da pele, sendo possível usá-lo antes de procedimentos que podem causar irritação ou sensibilização, evitando uma possível mancha pós-inflamatória. Da mesma forma, é ideal para o tratamento de peles sensíveis com rosácea ou acne porque, além de restabelecer o equilíbrio na queratinização da pele, diminui a irritação e a inflamação, sem causar desconfortos como pinicamento e ardência. 

Já durante ou após um tratamento facial, o peeling pode ser usado para aumentar a hidratação ou restabelecer o equilíbrio em peles que não estão respondendo bem ao tratamento. 

Por ter efeito hidratante e antioxidante, o Hydra Peel XR apresenta excelentes resultados em peles fotoenvelhecidas, diminuindo as rugas, as linhas de expressão e a hiperpigmentação. Inclusive, é ideal para regiões mais sensíveis, como por exemplo os lábios, onde os peelings tradicionais causam desconforto e irritação. 

Hydra Massage XR – Creme de massagem

Hydra Massage - creme de hidratação

Primeiramente, o Hydra Massage é um creme de massagem que reúne uma combinação de ácido hialurônico, biocolágeno, ômegas, minerais e vitaminas como a vitamina A nanoencapsulada, também conhecida como retinol.

A combinação de ingredientes atua no preenchimento de rugas e linhas de expressão, devolvendo o volume da pele perdido com a idade. Por outro lado, protege da degradação do colágeno e do ácido hialurônico já presente na pele por aumentar a eficiência energética celular e prevenir a formação de radicais livres. 

O creme de hidratação e massagem ainda reforça o sistema antioxidante da pele, por duas vias:

1 – Através do aumento de 66% da desintoxicação mitocondrial, diminuindo os danos do estresse oxidativo ao DNA celular.

2 – Fornecer e aumentar os antioxidantes naturais que tem sua produção diminuída com a idade. 

Outro diferencial do Hydra Massage XR é a hidratação imediata e prolongada, que melhora a elasticidade e a distribuição de água na pele, evitando a desidratação e amenizando as linhas de expressão decorrente da falta de hidratação.

O Hydra Massage XR é ideal para o uso em todos os tipos de peles, até mesmo as mais oleosas. Isso porque seus ingredientes ao mesmo tempo que hidratam, previnem a hiperqueratinização das células o que evita a formação de acnes e comedões após os procedimentos de massagem. Além disso, os efeitos do creme ficam presentes na pele por até 8 horas, prolongando os efeitos da massagem manual. 

Hydra Mask XR – Máscara hidratante e nutritiva

Hydra mask - máscara de hidratação e nutritiva

Por fim, a Hydra Mask XR age por vários mecanismos para manter a pele saudável e aumentar a eficiência nos tratamentos estéticos. Assim como os outros produtos de hidratação anteriores, é uma máscara para todos os tipos de pele que hidrata, fortalece a barreira de proteção e protege a pele das agressões externas e internas.

Além disso, age no processo de envelhecimento, estimulando a produção de fatores-chaves para manter a pele saudável. Igualmente é uma máscara que agregar valor a qualquer tipo de tratamento estético, restabelecendo a homeostase da pele. 

7 mecanismos que a Hydra Mask XR age
Restabelece a hidratação

A máscara aumenta a hidratação desde o estrato córneo até a derme. Na epiderme aumenta a produção de aquaporina-3 que distribui de forma uniforme a água em todas as camadas da epiderme. Possui ainda emolientes biomiméticos que imitam os óleos produzidos naturalmente na pele, reconstruindo assim a hidratação natural. Por outro lado, na derme a máscara aumenta a retenção de água por estimular a produção de glicosaminoglicanas como ácido hialurônico, ativando desta forma a hidratação biológica. 

Reposição da camada protetora da pele

A máscara fortalece a barreira de proteção por aumentar a produção de proteínas de envelope, filagrina e involucrina que deixam a camada córnea mais coesa e diminui os danos dos agentes externos na pele. Além disso, evita a desidratação por manter as células mais unidas umas nas outras e por formar um filme natural impermeável na superfície da pele. Outra ação da máscara é a reposição de ômegas, esqualeno e emolientes que fortalecem a proteção e ainda mantém essa função por até 72 horas.  

Renova a pele

A máscara também tem ação na renovação e na manutenção da saúde da pele, por estimular marcadores biológicos da diferenciação celular, além de aumentar a produção de colágeno e elastina. A máscara age também na preservação e reparo da pele, por aumentar a produção de ATP nas mitocôndrias para que as células se mantenham saudáveis e desempenham suas funções de forma correta. 

Reestrutura a pele

Além de estimular a produção de colágeno, elastina e ácido hialurônico natural, a máscara também contém biocolágeno e ácido hialurônico de baixíssimo peso molecular nanoencapsulado, devolvendo o volume da pele perdido com a idade e favorecendo o preenchimento de linhas de expressão. Também aumenta a elasticidade e a firmeza da pele. 

Repõem nutrientes e vitaminas

A máscara é rica em ingredientes que repõem vitaminas e outros nutrientes essenciais para manter a pele saudável como B1, B2, B3, B5, B6, B7, B9, vitamina C, selênio, zinco, cobre e manganês e ômegas 3,6,7 e 9. 

Reduz a reatividade das peles sensíveis

A Hydra Mask XR possui um ingrediente neuro-calmante que diminui a reatividade das peles sensíveis, diminuindo o desconforto, o formigamento e a produção da substância P que sinaliza o processo inflamatório. 

Reduz a aparência desvitalizada da pele

A máscara tem um sensorial aveludado e acetinado, proporcionando uma sensação única após a retirada da máscara, pois retira o excesso de oleosidade e poluentes, deixando um toque seco, aveludado e macio. Além disso, diminui a hiperqueratinização das células, deixando a pele mais lisa e com mais viço. Também diminui o estresse oxidativo e reforça a atividade antioxidante natural, promovendo a detoxificação adequada das células.  

Multifuncionalidade dos lançamentos

Como vimos anteriormente, são produtos com funções importantes e que mantêm a pele funcionando no seu estado de equilíbrio, fundamental em qualquer tratamento estético. 

E para garantir a multifuncionalidade desses produtos eles foram desenvolvidos com bases biocompatíveis com todos os tipos de peles e todos os fototipos. 

Por fim, conheça os detalhes e benefícios de cada um dos produtos acessando as fichas técnicas nos link abaixo:

Ficha técnica do Hydra Peel XR 

Ficha técnica do Hydra Massage XR 

Ficha técnica do Hydra Mask XR 

Preparados para inovar e potencializar seus protocolos com esses 3 novos produtos de hidratação e de recuperação da pele especialmente desenvolvidos para você profissional de estética?

Importância da Hidratação na Estética

A hidratação na estética é fundamental para que se possa conseguir bons resultados em qualquer tratamento. Por isso, é muito importante os profissionais da estética estarem atentos ao nível de hidratação cutânea de seus clientes. 

Independentemente do tipo de tratamento, uma pele hidratada é mais flexível, tem mais viço e vai conseguir reagir melhor ao tratamento que será feito, seja com terapias manuais, eletroterapia ou microagulhamento.

Veja algumas razões pelas quais a hidratação na estética é importante:

Limpeza de pele e extração

A hidratação deixa a pele mais emoliente e flexível, facilitando a extração, e diminui a dor do paciente. 

Controle da acne e oleosidade

A hidratação é fundamental nesse procedimento, pois se tem mais equilíbrio hidrolipídico e a barreira de proteção fica mais ativa. Dessa forma, consegue-se controlar melhor a produção de sebo. 

Tratamentos clareadores

Quando a pele está hidratada, a barreira de proteção fica íntegra. Dessa forma, menos agressão chega à pele, prevenindo a piora das manchas. Isso porque a produção de melanina está intimamente ligada a mecanismos de proteção da pele. Quando esses mecanismos são acionados, uma mensagem é enviada ao melanócito para aumentar a produção de melanina, o que pode piorar as manchas já existentes

Uso de eletroterapia

eletroterapia

A hidratação mantém os níveis de água na pele equilibrados.

Os hidratantes biológicos em especial contribuem para o aumento da água na derme e epiderme, e criam um meio onde se tem muitos íons que favorecem a passagem da corrente elétrica. Dessa forma, melhora a resposta dos tratamentos que fazem uso da eletroterapia. 

Tratamentos anti-idade

Conforme envelhecemos, vamos produzindo cada vez menos componentes lipídicos e hídricos, que mantêm a saúde e a barreira de proteção da pele íntegra. Dessa forma, mais água é evaporada para o meio externo, ocorrendo o que chamamos de perda de água transepidermal e o ressecamento da pele.

Além disso, menos ácido hialurônico é produzido na derme com a idade, e essa molécula é um dos componentes mais importantes para manter a pele renovada, hidratada e preenchida. 

Microagulhamento

O microagulhamento estimula a produção de colágeno e elastina, porém, se o tecido não está hidratado, as fibras produzidas serão com qualidade inferior, prejudicando assim o resultado final do tratamento. 

Agora que você já sabe qual a importância da hidratação na estética, vamos entender quais são os mecanismos que promovem a hidratação cutânea?

Mecanismos de hidratação da pele

A pele se divide em duas grandes camadas, a epiderme e a derme. Falamos sobre a estrutura da pele e suas funções no outro post, você pode conferir aqui

Mas o importante é entender como acontece a hidratação da pele. Primeiramente, a água e os nutrientes chegam na derme através dos vasos sanguíneos. 

Depois, a água e os nutrientes são transferidos para a epiderme através da derme papilar e dos canais de aquaporina, que distribuem a água de forma uniforme por todas as camadas da epiderme. 

Já nas camadas mais superficiais da epiderme acontece a produção de componentes graxos e ceramidas que formam a barreira impermeável da pele. Essa barreira tem a importante função de manter o equilíbrio hidrolipídico e, consequentemente, a hidratação cutânea. Ela forma um filme impermeável que age de duas maneiras:

  • Na parte interna, impede a perda de água transepidermal
  • Na parte externa, evita que agentes do meio externo entrem na pele. 
Mecanismo de hidratação da pele
Mecanismo de hidratação da pele

Na derme, também acontece a produção de ácido hialurônico pelos fibroblastos. Essa molécula possui grande afinidade com a água e é capaz de armazená-la e posteriormente hidratar as células. Na imagem abaixo, você consegue ver também as outras funções do ácido hialurônico na pele. 

ácido hialurônico na pele
Ação do ácido hialurônico na pele

Outra forma de hidratar a pele é fazendo uso de produtos tópicos. Nesse sentido, existem diferentes tipos de hidratantes com mecanismos de ação distintos. Para entender como promover a hidratação na estética de forma eficiente é importante entender o que eles fazem. Por isso, vamos mostrar abaixo os diferentes tipos de hidratantes usados na cosmetologia. 

Mecanismos da hidratação na estética 

Podemos dividir os hidratantes usados em produtos tópicos em 4 grupos principais, e cada um deles possui um mecanismo de ação diferente:

1 – Emolientes 

São substâncias que mantêm a suavidade e a maciez da pele, exercendo um efeito protetor contra o ressecamento e a irritação ao formar uma barreira que inibe a perda excessiva de água de dentro para fora. Ou seja, impedem que a água armazenada dentro da pele seja perdida na camada mais externa. 

Além disso, alguns emolientes biomiméticos ao estrato córneo, isto é, que imitam os componentes presentes na pele, como triglicerídeos, ácidos graxos e fosfolipídeos, interagem com essa camada superficial. Como resultado, eles se unem e fixam-se na pele, garantindo a reposição da barreira cutânea. 

Nesse caso, os emolientes biomiméticos têm os seus efeitos hidratantes mantidos por períodos prolongados, uma vez que agora fazem parte da pele e não são retirados durante o banho, como acontece com os emolientes que ficam na superfície da pele. 

2 – Umectantes

Conferem hidratação por meio da adsorção da água do interior da pele ou do ambiente externo para a superfície. É como se as moléculas desses ingredientes fossem ímãs, atraindo moléculas de água e formando um reservatório hídrico da pele. 

Porém, o seu uso prolongado pode causar desidratação, uma vez que as moléculas de água que estão nas camadas um pouco mais profundas são constantemente atraídas para a superfície da pele. 

Além disso, não apresentam eficácia significativa em ambientes muito secos e em peles já desidratadas, pois não há água disponível para ser atraída para a camada superficial. 

3 – Oclusivos

Os agentes puramente oclusivos formam um filme na superfície cutânea, evitando a perda de água do interior da pele para o ambiente. Um exemplo de agente oclusivo é o óleo mineral.

Apesar de eficazes, esses agentes oclusivos atuam temporariamente (enquanto estão na superfície da pele) e conferem sensoriais pesados e até prover uma falsa hidratação, porque na verdade não repõem a hidratação natural da pele, só impedem a perda de água para o meio externo. 

Esses componentes também podem promover a oclusão dos óstios da pele e estimular o desenvolvimento de comedões. 

4 – Biológicos

São substâncias que atuam estimulando a produção de hidratantes pela própria pele, o que também é conhecido como uma hidratação ativa. Esses componentes estimulam a produção de lipídios e de proteínas presentes nas células da pele, além dos fatores de hidratação natural (NMFs), aquaporinas e ácido hialurônico. Esses hidratantes têm efeito prolongado, pois a hidratação natural da pele é reconstruída. 

Portanto, a melhor forma de se obter uma hidratação eficiente da pele é associar os hidratantes biológicos, que estimulam os processos naturais da pele, conseguindo uma hidratação prolongada, com os hidratantes de ação imediata, como no caso dos emolientes, umectantes ou agentes oclusivos.

Se você gostou do conteúdo, recomende a seus colegas! Eles provavelmente irão gostar também! 

Máscaras Faciais coloridas para profissionais de estética

“Para mim, máscaras faciais tem que ser coloridas!”

Máscaras facial coloridas com corante natural

Primeiramente, na escolha de uma máscara facial, a cor é um dos principais atributos observados pelos profissionais de estética. Ela não traz nenhum benefício específico para o tratamento, porém, os profissionais sabem que as cores exercem influência sobre as emoções e estão diretamente relacionadas ao comportamento dos clientes, influenciando até na divulgação do seu próprio trabalho. Isso porque os clientes gostam de postar fotos nas redes sociais usando as máscaras coloridas, o que de certa forma gera um marketing.

De fato, usar uma máscara que faça o cliente se envolver na experiência, tirar fotos e postar é um fator muito importante. Depois, a sensação de sedosidade e maciez que fica na pele completa a experiência.

Por outro lado, essa experiência também pode ser negativa para algumas pessoas, pois os corantes e pigmentos são potenciais alergênicos. Somados a isso, o ritmo agitado e estressante de vida e o contato cada vez maior com substâncias poluentes têm aumentado a frequência de pessoas que se queixam por apresentar sensibilidades na pele. Portanto, máscaras cheias de corante podem sim se tornar um produto muito sensibilizante. 

O fato é que essas situações são reais e acontecem diariamente na vida dos profissionais de estética. Desta forma, o profissional fica diante de um dilema entre o uso de uma máscara facial colorida e o risco de ela causar alguma sensibilidade nos clientes.

Pensando nessas situações, a Extratos da Terra acaba de lançar as biomáscara. É uma novidade para que os profissionais não tenham mais dúvidas se vão escolher uma máscara com ou sem cor. 

As biomáscaras são atrativas e coloridas, desenvolvidas com ingredientes da biodiversidade brasileira. Além disso, não causam irritação à pele, pois não possuem corantes artificiais. Ficou interessada em saber mais? 

Então, confira este lançamento!

Máscaras faciais coloridas, desenvolvidas com a biodiversidade brasileira

Com as novas máscaras da Extratos da Terra, os profissionais de estética podem oferecer a experiência que desejam a seus clientes sem deixar de lado a essência do cuidado, o que faz toda a diferença.

As novas máscaras faciais coloridas contém ingredientes que valorizam o que é nosso, as riquezas naturais do nosso país e a nossa biodiversidade. As máscaras receberam cor, mas os ingredientes são de origem natural, sem adição de quaisquer pigmentos ou corantes artificiais 

3 biomáscaras faciais coloridas

A grande novidade são as 3 máscaras faciais coloridas: a Bioiluminadora, Biovitamínica e a Biodetox.

Todas possuem a combinação da geoterapia com bioativos nacionais

Além disso, essas máscaras têm ainda outro fator importante: elas também são indicadas para outras regiões do corpo. Dessa forma, possibilita ao profissional de estética diversificar os seus tratamentos em cabine com as mesmas máscaras que utiliza nos procedimentos faciais. No decorrer do texto, daremos dicas preciosas de como proporcionar novas experiências e obter novos clientes com essas máscaras.

Antes de falar sobre os detalhes de cada uma das novas máscaras, vale lembrar que todas elas têm uma textura leve, delicada e refrescante. Portanto, pode ser usada em todos os tipos de pele.

Sua composição proporciona uma sensação de leve aquecimento em algumas pessoas, o que na verdade é a máscara tensionando a pele. O cliente perceberá que algo está acontecendo, que o produto está fazendo efeito, e  vai adorar ter essa sensação na pele! 

Agora vamos ver os detalhes e os benefícios de cada uma das máscaras?

Máscara Biodetox

Como o próprio nome sugere, é uma máscara detox, mas está longe de ser uma simples máscara desintoxicante. Ela é biofuncional, fazendo uma limpeza fisiológica da pele e do couro cabeludo. 

Máscara Biodetox, facial e capilar

Isso mesmo, a Máscara Biodetox é um produto que pode diversificar os seus tratamentos faciais e capilares, trazendo benefícios tanto para a pele quanto para o couro cabeludo. 

Possui em sua composição carvão ativado, extrato de jabuticaba e argila preta. Esses ingredientes proporcionam a detoxificação da pele e do couro cabeludo. Ela age como um ímã que absorve as toxinas, o excesso de oleosidade e os resíduos indesejados. 

Por favorecer essa desintoxicação, a máscara fortalece a barreira de proteção da pele, aumentando a oxigenação e a nutrição do tecido. Também combate o excesso de radicais livres que promovem o fotoenvelhecimento. Além disso, traz benefícios no controle da oleosidade, comedões e acnes

No cabelo, a Máscara Biodetox limpa profundamente, desobstruindo os folículos e promovendo uma microesfoliação no couro cabeludo que estimula a circulação sanguínea local. Com essa ação, a máscara propicia uma revitalização capilar e mais força e resistência aos fios para crescerem fortes e saudáveis. 

Além disso, seu visual na cor preta vibrante é de encher os olhos!

Máscara Biovitamínica

A Máscara Biovitamínica é um verdadeiro suplemento vitamínico, enzimático e mineral para a pele. É rica em vitaminas do complexo B, C, A, D, E e F, além de flavonoides e de nutrientes, estimulando a renovação e a revitalização da pele.

Tem ação antioxidante e antipoluição, que fortalece o sistema de defesa da pele, e ação enzimática, que favorece a renovação e a revitalização celular. 

Máscara Biovitamínica facial e corporal

Os ingredientes da Máscara facial colorida Biovitamínica são o extrato de frutas tropicais e a argila amarela. Entre as frutas estão a laranja, o limão, a tangerina, o abacaxi e o maracujá, todas frutas de clima tropical, como temos aqui no Brasil.

A textura é leve, sendo indicada para qualquer tipo de pele. Além da essência que encanta, a máscara possui a cor dourada da argila amarela, que remete à elegância sem excessos, aliando o poder do dourado ao equilíbrio da natureza. 

Outro diferencial dela é o seu uso. Ela pode ser associada a qualquer tratamento facial ou corporal de revitalização, renovação celular e hidratação, pois age como um suplemento para a pele. Além disso, devido à sua ação enzimática, a Máscara Biovitamínica tem excelentes resultados em peles oleosas e queratinizadas, inclusive podendo usá-la antes da emoliência em limpezas de pele. Dessa forma, o profissional pode personalizar e diversificar um tratamento comum que é a limpeza profunda da pele.

Nos tratamentos corporais, uma dica é usá-la na revitalização dos seios e nos tratamentos do colo e das mãos. 

Máscara Bioiluminadora

A Máscara Bioiluminadora tem efeito clareador por inibir a produção e a transferência de melanina para as células, diminuindo assim a formação de marcas escuras na pele. 

Os ingredientes da máscara são biocompatíveis com a pele, sendo eles a argila bege e os extratos de coco e de abacaxi. Esses componentes são ricos em vitamina C, pró-vitamina A e vitaminas do complexo B, com forte ação antioxidante e enzimática. 

Bioiluminadora facial e corporal

A ação antioxidante se deve à presença de vitaminas que neutralizam os radicais livres. Já a ação enzimática auxilia na renovação celular e na diminuição das marcas escurecidas da pele, conferindo-lhe um efeito iluminador e clareador. 

As vitaminas e os minerais presentes na máscara têm ainda ação anti-inflamatória e antipoluição, protegendo e fortalecendo a barreira de proteção. Consequentemente, diminui a incidência de novas marcas escuras. 

A máscara tem textura leve, indicada para qualquer tipo de pele, tanto para tratamento no rosto como no corpo. No corpo a indicação são regiões como colo, mãos, virilha e axilas, deixando a pele mais clara e iluminada logo após a aplicação. 

Máscaras coloridas para diversificar e personalizar os tratamentos em cabine

Este lançamento veio para auxiliar o profissional de estética que tem na sua essência o cuidado com o cliente em primeiro lugar, entregando uma experiência prazerosa e sem limitações.

As novas máscaras faciais coloridas têm uma textura apaixonante, que estimula sentidos como:

  • Visão (é bonita pela textura colorida)
  • Olfato (possui uma deliciosa fragrância)
  • Tato (deixa uma sensação extremamente agradável na pele).

Os ingredientes remetem à biodiversidade do nosso país e têm um perfeito equilíbrio para atender a todos os tipos de pele dos brasileiros. 

PortantoAs máscaras trazem os benefícios milenares da geoterapia, incorporados em uma formulação diferenciada, de fácil aplicação e remoção. Além dos efeitos benéficos proporcionados à pele, as argilas trazem as cores vibrantes e de origem natural. Isso propicia o colorido das  máscaras sem causar irritação ou sensibilidade, efeito comum dos corantes e pigmentos artificiais. 

Indicação de uso

Além disso, o uso das máscaras não se limita apenas ao rosto, indicada para uso no couro cabeludo também, como é o caso da Biodetox, e em regiões do corpo, como a Biovitamínica e a Bioiluminadora, o que aumenta as possibilidades de tratamentos em cabine, oferecendo novidades aos clientes. 

Outro detalhe a ser observado é o custo-benefício, pois o rendimento médio é de 61 aplicações por máscara, o que possibilita diversificar o uso. As máscaras também possui um tamanho ideal para atender a todos os estilos de profissionais, desde aquele que gosta de diversificar os protocolos com uma máscara diferente em cada sessão até o que elege uma determinada máscara como sua queridinha. 

As máscaras também atendem muito bem aqueles profissionais que não trabalham exclusivamente com tratamentos faciais. Portanto aumenta as opções de produtos para protocolos personalizados nos cuidados do couro cabeludo e do corpo. 

Conheça agora mesmo as novas máscaras profissionais da Extratos da Terra e se encante! 😉

Diferenças entre creme de base vegetal e creme de base mineral

O creme de base vegetal é hoje uma das bases cosméticas mais compatíveis com a pele, ou seja, consegue ser mais eficaz quando comparado aos cremes que possuem óleo mineral na composição.

Vamos entender por que essas bases são melhores e trazem inúmeros benefícios para a pele. Mas primeiro vamos saber ao certo o que é uma base cosmética. 

Bases cosméticas são, por exemplo, os séruns, gel, gel-creme, loção ou creme. Esse tipo de base se refere à forma como o cosmético é feito.

É na base que são introduzidos os ingredientes ativos que fazem com que o produto tenha uma ação específica em disfunções como celulite, estrias, rugas e linhas de expressão, entre outros. 

Como um creme age na pele

Para um produto ter efeito na pele, ele precisa primeiro conseguir penetrar em suas camadas. Contudo, a dificuldade de um produto permear a pele é grande, isso porque ela tem a função de bloqueio para que substâncias do ambiente externo não consigam atravessá-la, evitando doenças ou outros problemas. 

Desse modo, a melhor forma de fazer com que um produto permeie a pele é buscando opções que sejam compatíveis com ela. Isso quer dizer que é preciso escolher produtos que façam a pele entender que eles já são substâncias naturais dela, e não elementos intrusos. 

As bases vegetais fazem exatamente isso. Elas possuem componentes idênticos aos que temos naturalmente em nossa pele. Então, quando aplicamos um creme de base vegetal, a pele entende como se fosse uma substância natural dela e não bloqueia a entrada desse produto. 

Dessa forma, ao permear a pele, esses componentes se juntam a ela e não são mais removidos quando lavamos, por exemplo. Isso faz com que essas bases continuem agindo na pele, hidratando-a por longos períodos.

ação do creme de mãos
Imagem ilustrativa de creme de base vegetal na pele, reconstruindo a barreira de proteção.


Além disso, depois de permear a pele, os ingredientes ativos que são carregados pela base vegetal agirão em lugares específicos. Dependendo do tipo desses ativo, eles vão agir nas camadas mais superficiais ou profundas, como no caso de ativos nanoencapsulados.

Qual a diferença entre o creme de base vegetal e o creme com óleo mineral?

Ao contrário do creme de base vegetal, que possui componentes semelhantes ao já existentes naturalmente na pele, o creme que possui óleo mineral aciona o bloqueio natural de proteção, pois o óleo mineral é uma substância estranha e intrusa ao corpo. 

Com isso, o óleo mineral formará uma película oclusiva sobre a pele, dificultando a perda de água que está dentro da pele para o exterior, o que evita a desidratação.

Após o uso do creme de mãos
Imagem ilustrativa mostrando a formação de película e barreira oclusiva

Essa película oclusiva cria uma falsa sensação de hidratação e também constitui um efeito passageiro, isso porque o óleo mineral impede que a água que está na pele evapore, porém não restaura a hidratação natural da pele nem a barreira de proteção. Assim, quando a pele é higienizada, essa película formada pelo óleo mineral é removida, e a pele volta a ficar desprotegida. 

Por outro lado, os cremes de base vegetal hidratam a pele de verdade, já que seus componentes são os já existentes na pele, recuperando a hidratação natural e restaurando a barreira de proteção mesmo depois da lavagem. 

Outra diferença é que, por constituir uma camada oclusiva, o óleo mineral também pode bloquear os poros da pele e dificultar a respiração. Esse fato, pode ocasionar problemas como cravos e espinhas. Por isso, é importante evitar óleo mineral na composição dos produtos, principalmente os faciais.

Qual escolher então?

Diante dessas diferenças, fica claro que os cremes de base vegetal são produtos mais modernos que trazem muitos benefícios à pele. Porém, esses produtos são caros, pois os componentes têm tecnologia mais avançada. Esse é o principal motivo de ainda encontrarmos no mercado muitos produtos com óleo mineral em sua composição. 

O importante é sempre avaliar qual o objetivo com o uso de um determinado produto. Para conseguir esse objetivo, é necessário um produto mais compatível com a pele ou um produto com óleo mineral trará o resultado que se espera?

Por exemplo, se você não deseja uma permeação muito profunda dos ativos e se a pele não precisa de uma hidratação extra, os produtos com óleo mineral podem valer o custo/ benefício. Por outro lado, se você precisa recompor a barreira de proteção da pele para restaurar a hidratação e ainda se deseja uma permeação mais profunda dos ativos, a base vegetal é a ideal. 

Cremes vegetais da Extratos da Terra

Em 2013, a Extratos da Terra lançou uma linha chamada Pro Vegetal. Aqueles novos produtos não se encaixavam nos conceitos de produtos convencionais, naturais ou orgânicos, e por isso criamos o conceito de “cosmético vegetal”.

Não se tratava de produtos convencionais porque não eram produtos comuns. Igualmente não eram produtos naturais, pois suas matérias-primas não passavam somente por processos físicos ou químicos simples, mas também por processos tecnológicos para extrair o melhor dos compostos vegetais. Do mesmo modo,  não eram produtos orgânicos, visto que as suas matérias-primas não têm certificação de orgânicos.

Esses produtos eram muito mais do que isso, oferecendo benefícios como:

  • Produtos com base tecnológica vegetal
  • Bases biocompatíveis com a pele
  • Veganos: não possuem ingredientes de origem animal e não são testados em animais (aliás, nenhum produto da Extratos da Terra é testado em animais)
  • 95% dos ingredientes são provenientes de fonte vegetal
  • Ingredientes certificados com o selo Ecocert
  • Livres de ingredientes derivados de petróleo, como óleo mineral, silicone e propilenoglicol
  • Com conservante eficaz e seguro, livre de parabenos 
  • Livres de óleo mineral, contêm somente óleos vegetais
  • Com componentes biodegradáveis que não agridem o meio ambiente
  • Livres de esfoliantes de polietileno
  • Livres de ingredientes que podem causar risco de sensibilidade à pele, como corantes

A partir de então, estabelecemos o termo “base vegetal” e, sempre que possível, passamos a desenvolver os produtos seguindo esse conceito. Até hoje, somos a única empresa com uma linha inteiramente vegetal de produtos profissionais.

Produtos Extratos da Terra com base vegetal
ícone produto de base vegetal

Vários produtos da Extratos da Terra possuem base vegetal, e você pode identificá-los no nosso site pelo selo vegetal, que estará nas imagens dos produtos (imagem ao lado). 

As embalagens dos produtos estão passando por atualizações, e o selo de base vegetal com o tempo também estará impresso nas embalagens, assim fica mais fácil identificar esses produtos. Esse processo ainda vai demorar um pouquinho para estar completo, mas ele já está acontecendo 😉

ícone livre de óleo mineral

Também possuímos produtos que não se enquadram na categoria de base vegetal, mas que não têm óleo mineral na composição. Esses produtos livres de óleo mineral podem ser identificados com o símbolo de livre de óleo mineral, como o da imagem ao lado.

Você já sabia da diferença entre cremes de base vegetal e base mineral?

DOIS NÍVEIS DE ESFOLIAÇÃO Corporal COM O PEELING ESTIMULANTE DE CAFÉ E NOZES

Fazer a esfoliação corporal física, também conhecida como peeling, normalmente é o primeiro passo de qualquer tratamento corporal depois da higienização. Sabe-se que ela é necessária para retirar as células mortas e facilitar a permeação dos ativos dos tratamentos estéticos.

Mas você já parou para pensar na importância de um peeling nos seus tratamentos?

Normalmente, o primeiro e mais importante ponto que o profissional de estética observa na hora de escolher um esfoliante é a abrasão. Por exemplo, se esse produto tem esferas suficientes para promover o arraste das células mortas. 

Em segundo lugar, vem a remoção desse produto da pele. Já que um produto que não tenha necessidade de remover após a esfoliação faz com que o profissional ganhe tempo e praticidade no seu dia a dia. 

Diante desses dois fatores muito importantes para o profissional da estética, vamos mostrar como você pode ter esses benefícios aliados. Além disso, descubra como potencializar os resultados de qualquer tratamento corporal usando o esfoliante adequado. 

Fatores a considerar em uma esfoliação corporal

Dois fatores importantes na esfoliação corporal são: o nível de esfoliação e a remoção. O primeiro é o quanto o esfoliante consegue promover o arraste das células mortas e o segundo se refere a praticidade no dia a dia do profissional.

1 – Nível da esfoliação corporal

Primeiramente, a abrasão de um peeling físico é sim importante:

  • Ela não deve ser tão forte a ponto de machucar a pele, o que acontece quando as esferas não são uniformes.
  • Mas também não pode ser tão leve a ponto de não conseguir arrastar as células mortas que estão atrapalhando a renovação celular e a permeação de produtos. 
Dois nível de esfoliação corporal

Portanto o grau da esfoliação deve ser considerado.

Dessa forma, uma escolha inteligente para se montar um tratamento é aliar diferentes níveis de esfoliação. Assim, se consegue equilibrar a retirada completa das células mortas e promover a renovação e a luminosidade da pele, sem causar desconforto ao cliente.

2 – Base cosmética 

Outro fator importante em uma esfoliação corporal é a base de seu peeling. Base é o veículo em que os esfoliantes se encontram, que pode ser em gel, sérum ou creme. Esse último é o mais comum, seguido por fórmulas em gel. 

Dessa forma, pense no produto que você usa no dia a dia. Seu esfoliante corporal é compatível com a pele? Ele é um creme vegetal e livre de óleo mineral? 

Primeiramente, vamos pensar, se o esfoliante é o primeiro passo do tratamento e se ele não for retirado antes do uso de outros produtos, é necessário que seja com base que não impeça a absorção dos outros produtos usados depois. Caso contrário, ira formar um filme oclusivo, como no caso de cremes que utilizam óleo mineral na formulação. 

Nesse sentido, as bases vegetais são as que agregam mais benefícios à pele. Elas são altamente hidratantes, o que já ajuda na absorção do principal produto do tratamento. Essas bases absorvem totalmente e não formam uma barreira oclusiva na pele.

Portanto, um esfoliante de base vegetal tem excelentes benefícios como:

  • Propicia hidratação.
  • Potencializa os resultados dos tratamentos corporais.
  • Traz praticidade no dia a dia, porque não precisa retirar da pele. 

Como melhorar os resultados dos tratamentos corporais usando o esfoliante como aliado 

Os dois fatores apontados anteriormente têm muito fundamento. Em primeiro lugar, se a esfoliação não for feita em um nível adequado, o tratamento pode não ter os resultados esperados. Em segundo lugar, se seu esfoliante formar uma película oclusiva, os ativos do tratamento não conseguirão atingir o seu alvo. 

Portanto, aquele produto de tratamento com teste de eficácia e pelo qual provavelmente você pagou mais caro não agirá da forma esperada. Dessa forma, os resultados dos seus tratamentos corporais podem estar comprometidos. 

Você já tinha pensado que a esfoliação teria tanta influência no seu tratamento? E que se não for realizada com um bom produto pode até prejudicar o resultado?

Bom, agora é só você analisar os seus protocolos e ver se tudo isso faz sentido para você. 

Como o Peeling Estimulante de Café e Nozes pode fazer a diferença nos protocolos corporais

esfoliante de café e nozes

Com o novo Peeling Estimulante de Café e Nozes, você tem esses dois importantes fundamentos a seu favor, níveis diferentes de esfoliação e base vegetal.

E ainda tem um superdiferencial, pois o produto contém cafeína e ácido clorogênico. Esses ativos têm ação termogênica, drenante e antioxidante que potencializam os tratamentos corporais de redução de medidas e celulite.

O novo peeling é composto por partículas de café verde e nozes, ambas de fontes naturais e sustentáveis. Essas partículas, proporcionam dois níveis diferentes de esfoliação, trazendo o equilíbrio entre a intensidade do peeling e o conforto para a pele. 

Além disso, o peeling tem ação anti-inflamatória, que auxilia no tratamento da celulite e estimula a circulação sanguínea, o que favorece a oxigenação e a nutrição dos tecidos, deixando a pele macia e nutrida.

Devido à ação drenante, redutora, oxigenante, anti-inflamatória e antioxidante, ele é um peeling multifuncional. Portanto, pode ser utilizado em diversos tipos de tratamentos corporais.

Um exemplo de uso é em protocolos hidratantes, já que possui base vegetal e os ativos têm efeito antioxidante, importante para a pele de qualquer região do corpo. 

Além disso, o creme é muito prático de aplicar, proporcionando deslize adequado para as manobras de esfoliação. As partículas dos esfoliantes vão aos poucos desprendendo-se da pele em forma de grumos, deixando-a hidratada. Basta no final retirar as partículas físicas que podem ficar na pele com uma toalha seca, sem necessidade de higienizar o local após a esfoliação.

Podemos comparar esse efeito a uma leve gomagem, porém ainda melhor devido aos dois níveis de esfoliação presentes no produto. 

Confira a aplicação do Peeling Estimulante de café e Nozes

Aplicação do Peeling Estimulante de Café e Nozes

Como você pode perceber, o creme é absorvido com facilidade e não forma uma barreira oclusiva na pele que possa impedir a absorção dos produtos de tratamento utilizados na sequência.

Pelo contrário, além de auxiliar na esfoliação, também hidrata, o que é ótimo, pois, como se sabe, em pele hidratada a absorção de outros cosméticos é melhor do que em peles secas e desidratadas.

Então, o Peeling Estimulante de Café e Nozes é um coringa que não pode faltar na vida do profissional de estética que trabalha com protocolos corporais.

Como vimos, ele é um excelente potencializador dos tratamentos, pois:

  • Traz uma esfoliação adequada.
  • Hidrata.
  • Melhora a nutrição.
  • Melhora a circulação e a oxigenação da pele.
  • Tem efeito antioxidante, muito importante em qualquer tratamento estético. 

O Peeling Estimulante de Café e Nozes já está disponível na versão de 700 gramas por apenas R$ 189,00*. Mas, você profissional de estética, tem desconto especial na compra. Confira as condições no site ou com um de nossos distribuidores.

*O preço pode sofrer alteração sem aviso prévio

Tratamento para celulite e para redução de medidas – Sem adição de água

Já parou para pensar que mais de 70% de um creme de tratamento para a celulite que você usa em sua cabine é água?

Isso mesmo!

Para que uma emulsão (creme) seja formada, é preciso em média de 70% a 90% de água na composição. Quando isso é somado a componentes graxos para formar o creme, sobra menos de 20% para os ativos que realmente agem no problema da celulite.

Agora, você já pensou em usar um produto nos seus clientes composto apenas por ativos nanoencapsulados, sem adição de água, sem creme, em embalagem portátil, prática e rentável?

Isso é realidade com o Magic 3C!

Antes do tratamento com o Magic 3C
Antes do tratamento com o Magic 3C
Depois do tratamento com o Magic 3C
Depois do tratamento com o Magic 3C
Antes do tratamento da celulite com Magic 3C
Antes do uso do Magic 3C
depois do tratamento da celulite com Magic 3C
Depois do uso do Magic 3C

Teste clínicos:

  • 1,08 cm de redução de medidas (cintura, quadril, coxas e panturrilhas)
  • 95,45% perceberam a pele mais firme
  • 95% perceberam a redução da celulite e do aspecto “casca de laranja”
  • 100% perceberam a melhora na aparência geral da pele
  • 100% acharam o produto fácil de aplicar

Avaliações sobre o tratamento da celulite com o Magic 3C

depoimento do Magic 3C - Sandra
depoimento do Magic 3C - Natana
depoimento do Magic 3C - Ederson
depoimento do Magic 3C - Vera

Em 2013, a Extratos da Terra foi pioneira ao lançar esse tratamento revolucionário para celulite e redução de medidas com 100% de óleo de cártamo, coco e camellia sinensis nanoencapsulados. 

O Magic 3C já é sucesso há muito tempo, mas atualmente está ainda mais ecofriendly. 

Agora o produto vem com menos plástico e, consequentemente, gera menos impacto ao meio ambiente. Isso sem falar na forma de aplicação, bem mais prática e simples. 

10 ampolas viraram 1 frasco de vidro – praticidade na aplicação e menos plástico no meio ambiente

As profissionais que já conhecem o produto aprovam e viram como a autoestima de suas clientes mudou após o uso do Magic 3C, provando que a estética não é fútil, não é apenas se sentir bonita, é se sentir bem, é saúde com o corpo, a mente e o meio ambiente ao seu redor. 

Método com permeação de até 12 horas e melhor aproveitamento dos ativos 

Os cremes são os mais usados em produtos cosméticos, e isso tem uma explicação.

A resposta está na própria composição da pele. Nossa epiderme possui aproximadamente 70% de peso em água, já a camada mais superficial possui menos água e é composta por lipídeos que formam a camada de proteção.

Se compararmos a composição da pele com a de um creme, eles têm muita similaridade, não é mesmo?

Epiderme
70% de água
lípidos
outros componentes

Creme
70% a 90% de água
lípidos
ativos

Os cremes são os mais usados na cosmética porque conseguem uma permeação melhor na pele. 

Portanto, a inovação na estética é como usamos a água nas formulações e nos tratamentos. Como reduzir o uso da água de forma que o produto funcione melhor e que seja sustentável para o meio ambiente?

A resposta está na nanotecnologia!

Essa técnica permite que os ativos sejam encapsulados em micropartículas que conseguem permear a pele mais facilmente, possibilitando obter um produto concentrado com 100% de ativos. Desta forma, a água é usada de forma mais inteligente e eficaz.

No tratamento com o Magic 3C, você adquire um sérum que possui 100% de ativos anticelulite e redutores nanoencapsulados. A água que seria necessária para melhor absorção na pele entra no formato de um fluido que não é água pura, e sim uma composição de água mais os ativos firmantes para completar o tratamento. 

Aplicação do Magic 3C

Assim, a água é utilizada de forma mais racional e inteligente, fazendo com que seja possível realizar as manobras de massagem redutoras com o sérum com 100% de ativos anticelulite e redutores. Graças à sua composição, a esteticista poderá fazer a massagem por quanto tempo desejar.

E melhor, isso tudo não custa uma fortuna! 

O kit Magic 3C + Fluido Firmador Corporal custa R$ 344,00, mas para você que é profissional de estética o preço é especial, pagando apenas R$ 240,80.* Você tem um protocolo completo para o tratamento da celulite e redução de medidas neste link

Lembre-se:

  • Você está pagando por 100% de ativos
  • Receberá muitos feedbacks de agradecimento de suas clientes
  • Nada melhor que ver a sua cliente falando que pode usar a roupa que desejar quando você reduzir o grau de celulite dela
  • Está colaborando para um mundo melhor, com menos gasto de água e menos geração de lixo
  • Alto rendimento de aproximadamente 32 sessões de abdômen, coxa, glúteos, braços, dorso e panturrilhas. Isso é menos de R$ 8,00 por sessão. 
  • Você pode oferecer o acompanhamento do tratamento em casa, na mesma proposta, com o Nano Shower Anticelulite

*Preço sujeito a alterações

Dermo Plus: o coringa que não pode faltar nos tratamentos estéticos

O Dermo Plus é um sérum multifuncional já aprovado por vários profissionais da estética.

Dermo Plus

Isso porque ele é um produto muito versátil, que pode ser usado em tratamentos faciais e corporais, em terapias manuais ou com eletroterapia e microagulhamento, desempenhando excelentes resultados.

Benefícios do Dermo Plus

Sobretudo o Dermo Plus auxilia em procedimentos estéticos faciais e corporais como anti-idade, pré e pós-operatórios de cirurgias estéticas e tratamento de cicatrizes, como as deixadas pela acne, e de estrias.

O produto ajuda a regenerar a pele, estimula a renovação celular e a produção dos fatores de crescimento de queratinócitos KGF e epidérmico EGF.

Como resultado o sérum Dermo Plus possui inúmeros benefícios, confira alguns deles:

  •  Estimula a produção do fator de crescimento de queratinócitos (KGF)
  • Possui fator de crescimento epidérmico (EGF)
  • Reduz as rugas verticais e horizontais
  • Promove uma hidratação profunda
  • Diminui a flacidez
  • Intensifica a produção de colágeno de boa qualidade
  • Combate a glicação do colágeno
  • Evita a senescência dos fibroblastos maduros
  • Aumenta a sustentação da pele
  • Aumenta a espessura e o volume da pele
  • Reconstitui o reservatório de água na pele
  • Aumenta o sistema de defesa da pele
  • Estimula e normaliza a renovação celular
  • Aumenta a produção do ácido hialurônico natural
  • Utilizado no pré e pós-cirúrgico
  • Propicia efeito retinol-like
  • Uniformiza a pele
  • Reduz cicatrizes resultantes de estrias e de acnes
  • Aumenta em 51% o ATP mitocondrial
  • Prolonga o tempo de vida das células saudáveis da pele

 Ação do Dermo Plus no tratamento anti-idade

O sérum é ideal para tratamentos rejuvenescedores, pois age em diversos aspectos que levam à formação de rugas e da flacidez. 

Antes de mais nada, é importante lembrar que o envelhecimento cutâneo é percebido pelas características de atrofia da pele, perda da capacidade de divisão celular, xerose (ressecamento excessivo), alteração da função da barreira da pele, enfraquecimento da junção dermoepidérmica, diminuição dos fibroblastos em números e morfologia, desorganização das fibras de colágeno e elastina, e diminuição do ácido hialurônico e de todas as glicosaminoglicanas.

Agindo principalmente em 5 alvos específicos (nos fibroblastos, nas mitocôndrias, na hidratação, evitando a morte celular e na glicação do colágeno), o Dermo Plus consegue reverter as características do envelhecimento citadas anteriormente. Vamos ver cada um desses cinco alvos a seguir. 

1 – Fibroblastos

Os fibroblastos são as principais células da pele, responsáveis pela produção de colágeno, elastina, fatores de crescimento, ácido hialurônico e glicosaminoglicanas. Dessa forma, são um dos principais alvos em um tratamento anti-idade. 

Por isso, uma das funções mais importante do Dermo Plus é a capacidade de manter os fibroblastos maduros (que estão entrando na fase de morte celular) ativos e produzindo colágeno de boa qualidade. Como resultado deste estimulo de fibroblastos, o sérum também estimula a produção de fatores de crescimento e de ácido hialurônico, aumentando a espessura da pele e devolvendo o volume perdido pela idade. 

2 – Mitocôndrias

As mitocôndrias são a “indústria” de energia das células. Quando ela não funciona bem, produz pouca energia. Como resultado, a célula fica mais cansadas e não desempenham suas funções de forma adequada, levando ao envelhecimento desta célula e também ao aumento da produção de radicais livres.

O sérum aumenta em 51% o ATP mitocondrial, e isso quer dizer que mais energia está disponível para as células, bem como mais oxigenação e nutrição, além de um processo de desintoxicação celular mais eficiente, evitando assim a produção de radicais livres. 

3 – Evita a morte celular 

O sérum possui ativos que mantêm as células em divisão celular por mais tempo. É como se o produto fornecesse estímulo às células para elas continuarem o seu processo reprodutivo. Assim, quanto mais tempo as células estiverem em processo de divisão celular, mais tarde os sinais do envelhecimento aparecem. 

4 – Hidratação

O sérum amplia os reservatórios de água na pele, mantendo as células saudáveis. Esse aumento da hidratação faz com que o volume da pele se eleve, preenchendo rugas e linhas de expressão. 

5 – Glicação

A glicação é o maior inimigo das fibras de colágeno, pois destrói as fibras de sustentação da pele de forma irreversível. Neste link, você encontra uma animação que representa a glicação das fibras de colágeno e elastina. 

Por isso é fundamental a proteção das fibras de colágeno para que não ocorra a glicação, função desempenhada pelo Dermo Plus. 

Ação do sérum no tratamento pré e pós-operatórios

No pré e pós-operatório, o Dermo Plus fornece principalmente energia e nutrição às células para que possam se regenerar mais rapidamente. 

Bem como, acelera o processo de regeneração celular e desintoxicação do tecido, evitando a formação de radicais livres. Além disso, aumenta a hidratação, fundamental para uma recuperação adequada da pele que passou por um processo cirúrgico. 

Como o Dermo Plus potencializa o procedimento de microagulhamento

Além das ações específicas de rejuvenescimento do sérum mencionadas acima, o produto também estimula a produção de fatores de crescimento epidérmicos e de queratinócitos. 

Esses fatores de crescimento estão envolvidos no processo de renovação celular, síntese de colágeno, elastina e ácido hialurônico, aumentando assim a espessura e o volume da pele. 

Como resultado dessas ações em conjunto, ocorre o preenchimento de rugas e cicatrizes, melhora a elasticidade do tecido e devolve o volume perdido com a idade. 

Ativos presentes no Dermo Plus

Primeiramente, o sérum possui 4 ativos em sua fórmula: ácido hialurônico biovetorizado pelo silício, bioativo do himalaia, hydroxyprolisilaneTM e MitoClean. 

Agora que você sabe os ativos, vamos detalhar a ação de cada um deles.

Ácido hialurônico biovetorizado pelo silício

Esse ativo soma as propriedades do ácido hialurônico de baixo peso molecular com o silício orgânico, promovendo a melhora da pele e reestruturando os componentes perdidos pelo avanço da idade. Por isso, é considerado um fator de crescimento epidérmico (EGF).

O ativo intensifica a síntese de glicosaminoglicanas e ácido hialurônico, bem como a hidratação natural da pele, reestrutura a epiderme e a derme, aumentando a espessura da pele perdida com a idade. Além disso, fortalece a junção dermoepidérmica e o sistema de defesa, combatendo reações inflamatórias que causam o envelhecimento celular. O resultado é o preenchimento das rugas e linhas de expressão.

Ao mesmo tempo, promove hidratação profunda da pele pelo aumento da atividade das aquaporinas e estimula a renovação celular natural, deixando a pele renovada e saudável. 

Bioativo do Himalaia 

É uma molécula bioativa com mecanismo de ação inovadora que estimula a produção de fatores de crescimento de queratinócitos por células-tronco derivadas do tecido adiposo.

Esse mecanismo tem efeito rápido no preenchimento das rugas verticais e horizontais, pois as células-tronco derivadas do tecido adiposo são a principal via de produção dos fatores de crescimento dos queratinócitos (KGF) que estimulam a divisão celular na camada basal e assim regulam a regeneração das células. 

Como resultado aumenta a espessura da epiderme (número de camadas de células). Como pode ser observado na imagem abaixo.

Efeito preenchedor do Dermo Plus

Visivelmente, se observa a diminuição da profundidade e redução do volume das rugas.

Redução de rugas com o Dermo Plus

Outro resultado visível na pele, é a diminuição das rugas no contorno dos lábios. Como resultado, ocorre a redução da migração do batom para fora do contorno labial, dando às mulheres uma aparência mais confiante.

Redução do código de barras com o Dermo Plus

Hydroxyprolisilane CN®

O ativo é a união da hidroxiprolina de origem biotecnológica com o silanol derivado do silício orgânico. 

O Hydroxyprolisilane CN® age revertendo o envelhecimento da pele por normalizar a renovação celular, aumentar o tempo de reprodução das células e estimular a produção de colágeno de forma organizada e estruturada, o que já não acontece em peles envelhecidas. 

O ativo estimula principalmente a divisão celular dos fibroblastos (células que mantêm a pele com aspecto jovem), diminuindo a senescência dessas células. Dessa forma, aumenta a regeneração da pele, pois quanto maior o número de fibroblastos, maior é a produção de colágeno.

O ativo também melhora a cicatrização, regenerando a pele de forma mais rápida e com menos consumo de energia celular e, com isso, menor produção de radicais livres nesse processo. Além disso, por ser ligado a uma molécula de silanol, forma uma reserva hídrica para ser utilizada pelas células, sendo um excelente hidratante biológico e eficiente para peles envelhecidas. 

MitoClean®

Primeiramente, vamos voltar a uma das características do envelhecimento que é a diminuição da respiração celular, que deixa as células mais fracas e sem energia.

Então, podemos concluir que para reverter o processo de envelhecimento da pele e também prolongar a vida das células, deixando-as por mais tempo saudáveis, é necessário agir em nível mitocondrial.

Neste sentido, é preciso aumentar a geração de ATP das células e a capacidade antioxidante. Assim, aumenta-se a energia para as células desempenharem suas funções e ao mesmo tempo, neutraliza as espécies reativas de oxigênio mitocondrial. 

O MitoClean® é a água de coco desidratada que tem ação exatamente nesses pontos, reduzindo a formação do subproduto do processo de desintoxicação natural que estimula o envelhecimento e aumentando em 66% a desintoxicação mitocondrial das células. Por outro lado, o ativo aumenta em 51% a geração de energia (ATP) para as células da pele, recurso essencial para o processo de desintoxicação e perfeito funcionamento celular.

Ao mesmo tempo, o ativo reforça o sistema de defesa antioxidante natural, proporcionando homeostase celular e proteção do DNA contra danos oxidativos.

Por fim, o MitoClean® é cerca de duas vezes mais potente que a vitamina E contra os radicais mitocondriais gerados durante o processo de desintoxicação.

Associações do Dermo Plus

O sérum pode ser usado tanto em terapias manuais em protocolos que não fazem uso de equipamentos quanto ser associado à eletroterapia e ao microagulhamento, seguindo o protocolo indicado para cada tratamento. 

Dessa forma, o sérum Dermo Plus pode ser usado com:

  • Microagulhamento
  • Peeling ultrassônico
  • Laser de baixa potência
  • Led
  • Jato de plasma ou eletrocautério

Agora que você conhece tudo sobre o Dermo Plus, aposto que está querendo saber onde encontrar, não é mesmo?

Ele pode ser adquirido pelo site ou com um de nossos distribuidores. 😉

Estrutura e função da pele: explicação técnica

A principal função da pele é proteger o corpo contra os agentes externos do ambiente. Por outro lado, também é um meio de expulsar para fora o que está no interior do corpo e que não nos faz bem. E é por isso que a nossa alimentação influencia muito no estado da pele. 

A pele é um tecido vivo e dinâmico que sofre alterações constantes, dependendo de onde vivemos, do que ingerimos, da quantidade de água que consumimos e também do nosso estado emocional. Ela é a conexão do meio externo com o interior do nosso corpo. 

Todos sabemos o que é a pele, sentimos e tocamos nela diariamente. Mas você sabe do que ela é composta?

Você sabe como de fato a pele funciona e o que realmente ela faz em nosso corpo?

Neste post, vamos esclarecer essas perguntas, mostrar como é a pele no seu interior e a importância das principais estruturas que a compõem.

Estrutura e função da pele

Como funciona a pele: estrutura e camadas da pele

A pele é composta por três camadas que estão em constante renovação, sendo elas: 

  1. A epiderme
  2. A derme 
  3. A hipoderme ou camada subcutânea

Vamos conhecer um pouco mais sobre cada uma delas?

A epiderme: para que serve

A pele: as cinco camadas da epiderme

A epiderme é a camada mais superficial da pele e é onde agem os produtos que aplicamos. Essa camada é dividida em outras cinco camadas: basal, espinhosa, granulosa, lúcida e córnea.

O que difere essas cinco subcamadas são as características das células. De uma maneira mais simples, podemos dizer que a diferença principal entre elas é o estágio de vida das células da pele.

Como assim estágio de vida?

Bem, quando as células estão na primeira camada, elas são novinhas e recém-formadas. À medida que vão subindo para a superfície, elas vão ficando mais velhas, mais achatadas e formando espécies de escamas, até chegar na superfície, quando então vão formar o estrato córneo. Aqui nesse estágio elas já são células mortas, que constituem  a nossa película de proteção. 

Esse estágio de renovação da pele acontece entre 15 e 30 dias, dependendo da idade da pessoa. Ao passo que envelhecemos, esse processo vai ficando mais lento, e é por isso que percebemos a pele envelhecida, com a formação de rugas e de flacidez, que vão aumentando com a idade.

Vamos entender melhor esse ciclo de vida das células da epiderme?

A primeira camada, a mais profunda da epiderme, denomina-se camada basal. É nela que as células “nascem”, ou fisiologicamente falando, onde elas se dividem em um processo de multiplicação celular –, uma célula antiga dá origem a uma nova célula. Essa camada é responsável pela constante renovação da pele. 

Fazendo uma comparação com a nossa vida, esse estágio das células da pele seria como a fase dos bebês.

Na camada basal, existe também uma célula muito importante para a nossa proteção que é o melanócito. Ele é responsável por produzir um pigmento chamado melanina,  responsável por dar cor à pele. A melanina é a proteção natural da pele contra a radiação solar. Ou seja, ela protege as células dos danos provocados pelo sol. 

A segunda camada é a espinhosa, que corresponderia à nossa fase de infância e adolescência, uma fase de pleno desenvolvimento. Aqui as células começam a ficar mais achatadas e mais espalhadas. Nessa camada, acontece um processo de defesa contra agentes estranhos que conseguem penetrar nas camadas mais superficiais. É também na segunda camada que se desenvolvem as dermatites alérgicas de contato. 

A terceira camada é a granulosa, e agora já estamos na vida adulta. Nessa camada, as células já estão bem mais achatadas, e é aqui que são produzidas substâncias que formam a barreira de proteção impermeável da pele. Isso faz com que não percamos a água que está na nossa pele por evaporação e também faz com que a  água que está no exterior não seja absorvida pela pele.

Já imaginou entrar em uma piscina e o seu corpo sugar a água para dentro da pele?

Isso não é possível devido a essa barreira impermeável que a pele forma. 

A quarta camada é a lúcida, e já podemos comparar essa fase com a fase madura da vida, na qual  estamos mais velhinhos e já não temos tanta energia. Isso porque as células dessa camada já não têm mais núcleo e possuem um formato de  escama, sendo envoltas por queratina. Aqui, começa a se formar uma fina camada compacta que faz a proteção da pele e que é chamada de manto hidrolipídico, ou hidratação natural da pele. 

A quinta e última camada é o estrato córneo. Essa é a camada mais superficial, é a que conseguimos ver. Aqui as células já não têm mais vida, estão envoltas em material graxo, ceramidas e queratina, que formam  uma película protetora para que nada que esteja no exterior passe por ela.

De tempos em tempos, as células mais superficiais vão se desprendendo e sendo eliminadas naturalmente, enquanto outras células ocupam o seu lugar, e assim a pele permanece sempre bonita e lisa.

Por outro lado, quando envelhecemos, ou quando o nosso processo de renovação celular não é eficiente, muitas dessas células mortas não se desprendem, vão acumulando e formando uma camada espessa.

Para evitar que isso aconteça é que surgiu a esfoliação, que nada mais é do que facilitar a eliminação dessas células mortas que ficam depositadas na pele e que impedem que os produtos cosméticos aplicados possam ser absorvidos. Entenda mais sobre a importância da esfoliação aqui.  

As outras camadas – derme e hipoderme – constituem a pele por completo. Vamos conhecer um pouco mais cada uma delas? 

Derme: para que serve?

A derme é a camada posicionada logo abaixo da camada basal. Nela encontramos as conhecidas fibras de colágeno e elastina.

Essas fibras têm a função de dar sustentação à nossa pele. Digamos que elas são os pilares da epiderme, são as estruturas que seguram a pele e a mantêm firme e lisa.

Porém, com o passar dos anos, as células que produzem essas fibras vão ficando envelhecidas e já não produzem mais fibra de qualidade sozinhas, quando então começam a aparecer os sinais da idade, tais como rugas e flacidez. 

Outra função da derme é levar os nutrientes para a epiderme, já que nessa camada estão presentes os vasos sanguíneos. 

Também na derme temos o folículo piloso. Essa estrutura é o casulo do nosso pelo, é onde ele nasce e cresce. Esse folículo tem a sua base na derme e continua até a epiderme, dando condições de o pêlo e o cabelo saírem da pele. 

Junto com o folículo, temos outra estrutura importante que é a glândula sebácea. Ela é responsável por produzir o óleo que mantém a pele hidratada. Por outro lado, quando produz uma quantidade muito elevada, provoca o aspecto indesejado da pele oleosa e também o aparecimento da acne.

Hipoderme: para que serve?

A hipoderme não é mais considerada uma camada da pele, isso porque ela fica embaixo da pele, dando sustentação e suporte para toda a derme e a epiderme. 

A hipoderme tem como principal função armazenar energia, regular a temperatura e absorver o impacto. Dessa forma, quando sentimos alguma batida na pele, ela absorve o impacto e impede que os órgãos internos do corpo sejam danificados. 

A pele é um dos órgãos mais importantes para a vida e a proteção do corpo. Por isso, invista um tempinho para cuidar da sua pele, afinal ela é o nosso cartão-postal. 

Gostou deste conteúdo? Então compartilhe com quem você acha que também poderia gostar. Ah, e se tiver qualquer dúvida, pergunte aqui que logo responderemos 😉

Instagram: https://www.instagram.com/extratosdaterra/
Facebook: https://www.facebook.com/extratosdaterra/
Youtube: https://www.youtube.com/ExtratosdaTerra
Nosso site: https://extratosdaterra.com.br/

Manchas da pele: saiba como são formadas

Manchas da pele são um problema que afeta a aparência física da maioria das mulheres, incomodando todas as pessoas que se preocupam com a estética e com a vaidade.

Essas manchas são ocasionadas por diversos fatores e podem apresentar coloração branca, marrom ou avermelhada, de acordo com a quantidade de melanina produzida.

Melanina é o pigmento responsável pela cor natural da nossa pele. Ela é produzida na camada basal, em uma célula chamada melanócito.

O melanócito possui ainda prolongamentos, espécies de “bracinhos” que vão se infiltrando entre as células da pele. Fazendo uma comparação ilustrativa, podemos comparar o melanócito e a pele com uma mão segurando um abacaxi.

comparação da relação do melanócito e as células

Pareceu estranho para você? Então observe a foto ao lado. Se você imaginar que a palma da mão é o núcleo do melanócito e os gomos do abacaxi representam as células, mais especificamente os queratinócitos, então os dedos são os dendritos no melanócito, que consegue alcançar vários queratinócitos. 

Essa comparação não foi boa?

Então observe a segunda imagem abaixo, ela é a representação de um melanócito carregado de melanossomos. E ao lado é o local onde esse melanócito se encontra na camada basal da pele. Agora sim, deu para entender? Mas aposto que você não vai se esquecer da comparação do abacaxi.

Brincadeiras à parte, afinal com manchas não se brinca, hoje vou explicar o quão complexo e perfeito é o nosso corpo para manter o equilíbrio e a proteção das células. 

Processo de pigmentação da pele

Dentro do melanócito, existe uma organela chamada melanossomo, que é o local onde efetivamente a melanina é sintetizada.

Depois do pigmento formado, o melanossomo é transferido através dos dendritos do melanócito para as células adjacentes da pele, que são chamadas de queratinócitos. 

Após o transporte dos melanossomos para os queratinócitos, a melanina vai se direcionando ao núcleo da célula para proteger o DNA, e o pigmento é então liberado.

Ou seja, a melanina é a principal proteção do DNA contra os danos da radiação solar, por isso que a causa das manchas da pele, na maioria das vezes, é desencadeada pela exposição ao sol. Quanto mais sol, mais o melanócito entende que precisa proteger as células e mais melanina é produzida para isso. 

A ativação para a produção de melanina pode se dar por diferentes fatores e normalmente envolve o processo de comunicação entre as células da camada mais superficial da pele e o melanócito.

Essas células impulsionam a produção da melanina através da ativação da tirosinase (enzima que catalisa as primeiras reações para formação do pigmento). 

São inúmeros os mecanismos que, ao serem ativados, levam mensagens para o melanócito produzir a melanina. Por isso, tratar manchas é mais complexo do que parece, e o tratamento deve levar em consideração o maior número de fatores que desencadeiam a formação de melanina. 

Porém, é bom ter em mente que a melanina não é uma vilã. Pelo contrário, ela é a proteção do DNA para que não ocorra o envelhecimento precoce das células nem doenças mais sérias como o câncer.

Portanto, quando se fala no  tratamento de manchas de pele, temos que considerar a melanina como nossa aliada, como uma parceira que a gente pega na mão e diz: “Estou contigo, fique calma e tudo vai dar certo”.

Produção descontrolada de melanina e formação de manchas da pele

Como mencionado anteriormente, a síntese de melanina é ativada por diversos mecanismos diferentes, muitos dos quais ocorrem através da comunicação entre as células da epiderme (queratinócitos) e os peptídeos que se ligam a receptores específicos nos melanócitos, iniciando a produção de melanina.

Muitos desses mecanismos são ativados pela exposição solar, que, ao atingir as células da pele, ativa os gatilhos de defesa das células, iniciando-se a comunicação celular.

Por esse motivo, o surgimento de hipercromias muitas vezes é relatado após a exposição ao sol. 

Na imagem abaixo, pode ser observado um esboço dos principais mecanismos que levam à formação de marcas escuras na pele. 

Clique aqui para abrir imagem em tamanho maior.

Grande parte dos fatores desencadeadores que resultam na ativação da tirosinase deve-se à incidência da radiação solar, mas outros pontos-chaves importantes também são a poluição, processos inflamatórios, a gravidez e o uso de anticoncepcional devido ao fator hormonal envolvido.

Todos esses fatores desequilibram a produção normal de melanina, desencadeando a produção descontrolada do pigmento e formando as manchas. 

A partir de um desses gatilhos, começa uma reação em cadeia, e cada tipo de gatilho pode ativar diferentes meios de comunicação celular, levando à formação de marcas mais escuras na pele. 

Tratamento de manchas

Para que o clareamento de pele seja eficiente, os produtos devem agir no maior número possível desses mecanismos ativadores, neutralizando, bloqueando ou regulando a produção de melanina, porém de uma forma inteligente, que não prejudique o desejo natural nem agrida a pele ao ativar esses mecanismos de defesa.

Percebam que essa é uma linha tênue, por isso a necessidade de escolha  por produtos que deem resultado não só pensando no prazo imediato, mas principalmente a longo prazo, para não ocorrer o efeito rebote e a piora do quadro.

Tratamento profissional de manchas da pele

A Extratos da Terra desenvolveu a linha Dermolight, criada com o conceito de tratamentos por camada, cuidando das hipercromias de forma gradual.

Ou seja, à medida que os passos do tratamento são realizados, os produtos agem em locais mais profundos e específicos (o primeiro produto age no estrato córneo, até chegar ao principal, que age diretamente no melanócito). 

No tratamento profissional, os produtos formam um ciclo, agindo em 15 pontos-chaves fundamentais na formação das hipercromias e também reduzindo as já instaladas por diminuir a intensidade das marcas e aumentar a renovação celular, eliminando as células pigmentadas.

Dessa forma, temos um tratamento completo, em que cada passo age em uma determinada camada da pele, atuando sobre os mecanismos locais que causam as hipercromias. Os 15 mecanismos de ação da linha  são:

1 – Inibe a atividade da tirosinase, que participa das duas primeiras reações da síntese de melanina.
2 – Reduz a conversão de tirosina em DOPA, que é a primeira reação da síntese de melanina.
3 – Reduz a síntese da TRP-1, necessária para a produção da melanina marrom.
4 – Regula a MITF, um fator de transcrição que ativa a tirosinase.
5 – Inibe o transporte de melanina dos dendritos para os queratinócitos.
6 – Inibe o depósito de melanina formada nos queratinócitos por inibir a PMEL17.
7 – Inibe a liberação de melanocortina (α-MSH), que é o hormônio estimulante dos melanócitos.
8 – Reduz a produção de radicais livres (ROS).
9- Reduz a produção de endotelina-1 secretada pelos queratinócitos, que ativa a tirosinase e aumenta o tamanho e o número de dendritos.
10 – Inibe a formação de plasmina, que libera o fator de crescimento do melanócito e que ativa a cascata inflamatória, além de estimular o α-MSH.
11 – Promove a detoxificação celular, evitando que resíduos inúteis permaneçam na pele, pois podem ativar o sistema de defesa.
12 – Diminui a comunicação da substância P com o melanócito, evitando o aumento dos dendritos e do transporte de melanina para as células.
13 – Tem ação anti-inflamatória, inibindo a síntese da proteína do estresse e o início da cascata inflamatória.
14 – Limita os efeitos das agressões externas como RUV e poluição.
15 – Aumenta a proteção do tecido, evitando agressões na camada córnea e protegendo-a dos danos da radiação solar.

A linha é um tratamento eficiente que controla a produção de melanina, elimina marcas escuras já instaladas e previne que novas hipercromias se formem.

Além disso, todos os produtos promovem e preservam a hidratação da pele, pois a hidratação faz com que o tratamento seja mais eficiente, que os ativos tenham melhor absorção e que a barreira de proteção fique íntegra, protegendo a pele dos efeitos danosos e dos agentes externos.

Para conhecer os produtos da linha, basta clicar neste link.

Cuidados em casa

Outro fator importante no clareamento de pele é o controle da produção de melanina, que deve ser diário, pois o melanócito, uma vez que é estimulado a produzir melanina, continua produzindo em uma quantidade superior ao normal.

Dessa forma, é necessário enviar uma mensagem diária a ele para que não  produza o pigmento e que está tudo sob controle. 

Isso quer dizer que os cuidados em casa são fundamentais para o sucesso do tratamento em cabine, pois os produtos usados em casa entregam doses diárias pequenas de ativos que auxiliam no controle da produção do pigmento. 

Isso também quer dizer que o tratamento não pode ser interrompido no verão, por exemplo, pois é a época em que mais as pessoas se expõem ao sol, e como vimos o sol é o principal ativador da produção de melanina.

Para conhecer um pouco mais os produtos de uso em casa para o clareamento de pele, acesse outro conteúdo do blog: Manchas na pele: saiba como tratar

Lucimara da Cunha
Engenheira química e cosmetóloga
Analista de marketing e produtos