Arquivo da tag: cuidados com a pele

Cuidados com a pele no verão: as dúvidas mais frequentes sobre hidratação

Entre os cuidados com a pele no verão estão principalmente se proteger e se hidratar. Já falamos de nove dicas de como preparar a pele para o verão, mas ainda surgem muitas dúvidas sobre hidratação. Por isso, hoje vamos responder a algumas das dúvidas mais frequentes dos nossos clientes.

Essas dúvidas podem ser as mesmas que você tem, então fique atenta!

Como cuidar da pele do rosto no verão?

Essa é uma das dúvidas mais frequentes. É fato que precisamos cuidar da pele em todas as estações do ano, mas no inverno e no verão alguns cuidados especiais são importantes devido à mudança de temperatura. Falamos sobre essas diferenças neste post.

Mas, para resumir, algumas dicas de cuidados com a pele do rosto no verão são:

  • Use maquiagem leve, pois no verão a pele fica mais oleosa do que o normal, e bases pesadas podem piorar esse aspecto.
  • Procure lavar o rosto duas vezes ao dia com produtos específicos para essa região  e para o seu tipo de pele. 
  • Aplique o protetor solar e reaplique conforme a indicação da embalagem. Dê preferência a produtos que protegem dos raios UVA, UVB e da poluição.
  • Procure tomar banhos gelados, ou pelo menos mornos, e logo após aplique um bom creme hidratante e de preferência que tenha ação antioxidante. Essas substâncias ajudam a evitar os danos dos raios solares na pele, como, por exemplo, o envelhecimento.
  • Evite a exposição solar nos horários mais intensos dos raios UV, entre as 10h e as 16h.
  • Beba bastante água diariamente.

Como hidratar a pele no calor?

Muitas vezes, é difícil usar hidratantes no calor, não é mesmo? Isso porque os cremes geralmente ficam melosos, e ninguém gosta dessa sensação. Mas existem opções de hidratação que não deixam a pele grudenta no calor. 

  • O que é bom para hidratar a pele do corpo no verão?

Para hidratar a pele do corpo e evitar o desconforto de sensação pegajosa, a dica é usar cremes com base vegetal, pois esses cremes não são gordurosos e absorvem rapidamente na pele. Assim, você terá a pele profundamente hidratada.

hidratante corporal com manteiga de karité

Saiba mais sobre esse tipo de creme no post: Creme hidratante com manteiga de karité.

  • O que é bom para hidratar a pele do rosto no verão?
hidratação

Já no rosto, a regra é procurar produtos hidratantes para o seu tipo de pele. Por exemplo, você pode usar um hidratante que é também clareador, rejuvenescedor ou até mesmo um hidratante que controle o excesso de oleosidade.

Nesse caso, siga as necessidades da sua pele e não se esqueça de aplicar diariamente o produto. 

Posso usar o mesmo hidratante do corpo no rosto?

Não é o mais recomendado, pois cada região do nosso corpo tem características distintas, e os produtos são desenvolvidos levando em consideração essas diferenças. Por exemplo, o pH é diferente, a espessura da pele do corpo e do rosto é distinta, as necessidades de hidratação são diferentes e a umidade da pele também. 

Por isso, você pode até pensar que está economizando ao aplicar um produto do corpo no rosto, porém com o tempo a sua pele vai reclamar, e poderão aparecer outros problemas, tais como excesso de oleosidade, acnes e até manchas. 

Como refrescar a pele no verão?

Nada melhor do que estar em uma temperatura elevada e receber uma brisa refrescante. Consigo até me imaginar na beira da praia e sentir as gotículas tocando a pele! Você consegue imaginar isso também?

Deixando a imaginação de lado e partindo para a prática, isso é bem possível e prático de se fazer. Basta ter consigo uma água dermatológica ou uma água termal e aplicar durante o dia, seja na praia, na beira da piscina, no parque ou depois de uma atividade física. Além de provocar a sensação de refrescância, esses produtos repõem os nutrientes na nossa pele. 

Hidratação e refrescância para a pele no verão

Uma dica maravilhosa é a Água Dermo Revigorante. Ela pode ser inclusive no pós-sol, acalmando a pele após 15 minutos. Mas lembre-se de usar o protetor solar para evitar queimaduras solares 😉

A dica mais valiosa deste produto no verão é que você pode deixá-lo na geladeira ou na bolsa térmica. Assim, você terá uma sensação maravilhosa de refrescância ao aplicar no rosto, no corpo e até no cabelo.

Para finalizar, se você tem alguma dúvida que não apareceu aqui, deixe a sua pergunta que logo vamos responder 😉

Lançamento: Creme Hidratante Corporal

Creme hidratante corporal com fragrância marcante e suave que deixa a pele aveludada e uma deliciosa sensação de maciez é a proposta deste lançamento. 

Primeiramente, vamos esclarecer que os hidratantes corporais não são todos iguais. Além da fragrância marcante, devem promover a verdadeira hidratação da pele. 

Mas, você já comprou um hidratante pela fragrância e depois percebeu que ele não deixava a pele realmente hidratada?

Sabe por que isso acontece?

Muitas loções e cremes corporais têm como principal função deixar a pele perfumada, e só isso! Eles até parecem hidratar momentaneamente, mas logo a pele fica ressecada. 

Isso acontece porque a pele do corpo, como as pernas e os braços, possui menos glândulas sebáceas (células que produzem a oleosidade da pele) e, dessa forma, fica desidratada e ressecada mais facilmente.

Novos cremes hidratantes para o corpo

Pensando na experiência de se ter um creme que deixe a pele perfumada, mas ao mesmo tempo, hidrate de verdade, a Extratos da Terra desenvolveu um hidratante com duas opções de fragrâncias. Eles proporcionam um deslize perfeito na pele. E não se preocupe, o creme absorve rapidamente, sem deixar a pele pegajosa.

O novo creme hidratante corporal traz em sua composição ingredientes vegetais para maior conforto e prazer em seu momento de autocuidado. Forma um filme que protege contra o ressecamento, além de possuir ação antioxidante, o que evita por exemplo, o envelhecimento precoce da pele. 

Resultados comprovados do hidratante corporal

Para provar que este não é apenas um hidratante como os outros, a Julia, nossa engenheira química, realizou testes no laboratório da Extratos da Terra comparando o lançamento a um creme comum do mercado.

Primeiramente, vamos esclarecer que esses testes foram realizados com duas voluntárias, as quais usaram no braço direito um creme comum, desses cuja função principal é perfumar a pele. Já no braço esquerdo foi aplicado o novo creme hidratante da Extratos. 

Então, confira a condição da pele das voluntárias antes e após o teste:

Primeira voluntária

teste de hidratação do creme corporal
Dados de referência do Skin Up (umidade de 45% a 55% e oleosidade de 16% a 22%) para uma pele equilibrada na região do braço

O aparelho usado para medição foi o analisador de pele Skin Up. Perceba que antes de usar qualquer creme a pele encontrava-se bem desequilibrada. Estava com baixo índice de umidade na pele, por outro lado, a taxa de oleosidade estava acima do ideal.

Ao usar um creme comum, a pele sofreu um aumento da umidade. Mas, não foi suficiente. Por outro lado, o teor de óleo na pele aumentou, significando que o creme deixou a pele mais oleosa.

Já após usar o novo creme hidrante corporal a pele ficou equilibrada, com taxas altas de umidade e nível adequado de oleosidade para a região do braço. Ou seja, a pele encontra-se em equilibro entre hidratação e oleosidade.

Segunda voluntária

O mesmo padrão foi percebido na segunda voluntária.

comprovação de pele hidratada

Da mesma forma que a primeira, encontrava-se com a pele bem desequilibradas entre os níveis de hidratação e oleosidade antes de aplicar os cremes. Como resultado do uso do hidratante de base vegetal ela passou a estar em equilíbrio.

Percebeu a diferença?

No braço onde foi usado um creme comum, o nível de hidratação é bem menor do que no braço onde foi aplicado o novo creme de base vegetal, que realmente hidrata a pele.

Perceba também que o nível de oleosidade da pele é menor com o creme de base vegetal. Como resultado, percebe-se um toque muito mais seco e sedoso na pele. 

Por isso, um bom hidratante é aquele que:

  • Tenha uma fragrância agradável
  • Traga a sensação de conforto
  • Seja compatível com a pele, como os cremes vegetais
  • Refaça a barreira de proteção cutânea
  • Promova uma hidratação profunda

Mais benefícios dos novos cremes hidratantes corporais

O hidratante corporal possui uma composição bem estruturada de óleos vegetais como girassol, canola e purcellin.

Esses ingredientes são ricos em vitamina E e ômegas 3, 6 e 9, que preservam e recuperam os danos da pele causados por agentes externos como por exemplo, o sol e as mudanças climáticas. 

O hidrante possui mais dois ingredientes reconhecidos mundialmente: 

  • Aloe vera: famosa por ser o ingrediente secreto de beleza de Cleópatra, é altamente hidratante e auxilia na reconstrução da barreira de proteção da pele.
  • Manteiga de karité: possui ação anti-inflamatória e antioxidante, prevenindo o envelhecimento precoce. Restaura a flexibilidade e a elasticidade, promovendo uma sensação de conforto e bem-estar na pele.

Quanto à fragrância, a Extratos da Terra fez uma pesquisa em suas redes sociais perguntando aos clientes qual família olfativa mais os agradava. Como resultado, as duas mais votadas foram a frutal e a floral. 

hidratante corporal maçã e pêssego

A fragrância frutal de maçã e pêssego é leve, com toque adocicado marcante que remete a uma sensação de leveza, num estilo casual e divertido de cuidar da pele.

hidratante corporal flores brancas

Por outro lado, a fragrância floral de flores brancas representa um aroma clássico de presença suave e com toque de leveza que remete ao charme e ao encantamento das flores, trazendo a sensação de calma, tranquilidade e bem-estar.

A boa notícia é que este creme já está disponível para compra e pode ser usado no momento mais oportuno, seja após o banho ou ao longo do dia.

Escolha a opção que mais agrada você e surpreenda-se!

Ah, esse lançamento também é vegano! Seja o primeiro a adquirir o novo creme por apenas R$ 49,00 e sinta na pele o poder de um hidratante de verdade.

Cuidados com a pele: 5 mitos que você deve saber

Os cuidados com a pele sempre geram muitas dúvidas. Em meio à procura pela melhor forma de nos cuidarmos, muitas vezes nos debatemos com vários mitos que ficaram difundidos como verdade. 

Hoje vamos esclarecer 5 desses mitos que foram difundidos ao longo dos anos 😉

1 – Pele oleosa não precisa de hidratação

O primeiro mito é sobre os cuidados com a pele oleosa, pois muito se fala que essa pele não deve ser hidratada.

Vale lembrar que a hidratação é importante para qualquer tipo de pele.

Hidratação é diferente de oleosidade. Ao contrário do que muitos pensam, uma pele hidratada consegue controlar a oleosidade por mais tempo. Já uma pele desidratada tem a tendência de ficar ainda mais oleosa.

Você deve estar pensando: como assim?

Vamos entender um pouquinho sobre a função da pele para que tudo fique mais claro.

Vamos entender um pouquinho sobre a função da pele para que tudo fique mais claro.

Uma das funções mais importantes da pele é a proteção contra agentes do meio externo. Ela é uma barreira muito inteligente que impede que a água que está no nosso corpo seja evaporada. Por outro lado, impede que água e outros agentes aos quais estamos expostos no dia a dia penetrem no nosso corpo.

Essa barreira é formada basicamente por um manto hidrolipídico, ou seja, composto por substâncias oleosas e aquosas. 

Dessa forma, quando a pele está desidratada, essa barreira de proteção fica mais fragilizada e prejudicada, aumentando a evaporação da água das células e também deixando a pele suscetível a outros problemas estéticos. Nosso corpo então começa a trabalhar para voltar ao seu equilíbrio, e substâncias oleosas são produzidas, o que aumenta a sensação de oleosidade na pele.

Com a urgência de se livrar dessa sensação de sujidade, o que normalmente as pessoas fazem é lavar muitas vezes o rosto. Além de usar em excesso produtos que retiram a oleosidade, como produtos adstringentes, passando a evitar produtos hidratantes. Ou seja, o equilíbrio das substâncias aquosas e oleosas não é reconstruído, o que vira um ciclo vicioso. 

Portanto, pele oleosa deve ser hidratada sim! Mas é muito importante usar produtos específicos para esse tipo de pele, estimulando assim o equilíbrio e o controle da oleosidade.

2 – Acne acontece somente com adolescentes

Mito! a acne acontece em peles maduras e adultas sim, principalmente em mulheres. 

Um estudo realizado pela Sociedade Brasileira de Dermatologia, em parceria com o laboratório Theraskin, mostrou que a acne é o maior problema que leva as mulheres ao consultório médico, sendo que a média de idade dos participantes da pesquisa era de 42,5 anos, fase na qual a preocupação deveria ser outra, como a prevenção do envelhecimento precoce.

Por que isso acontece?

A resposta é simples: além da oleosidade da pele, uma das principais causas da acne é o fator hormonal. Se a gente pensar que as mulheres ao longo da vida passam por constantes mudanças nos níveis hormonais, fica fácil compreender por que a acne não abandona as mulheres após a adolescência.

Isso acontece principalmente no mundo atual e agitado em que vivemos. O que eleva o nível de estresse, que por sua vez altera os níveis hormonais. 

Diferença entre acne adolescente e adulta

O que difere a acne adolescente da adulta é o grau de gravidade. A acne adulta normalmente é considerada leve, com a presença de cravos brancos e pretos, podendo chegar a casos de lesões inflamatórias. Já na adolescência pode chegar a casos mais graves, com processo inflamatório mais agressivo e que pode gerar cicatrizes e marcas escuras com maior intensidade do que a acne adulta. 

Outra diferença é o local onde as lesões de acne comumente aparecem.

Na pele madura, as principais regiões com acne são em volta da boca, no queixo e no contorno do rosto e pescoço.

Na adolescência, não há uma região específica, podendo a acne estar distribuída por toda a face e também nas costas, como é o caso dos homens. 

Os cuidados com a pele acneica, independentemente da idade, inclui usar produtos antiacne que controlem as lesões e previnam o aparecimento de novas. Para isso, recomenda-se usar produtos que controlem a oleosidade, equilibrem a microbiota, controle a inflamação, limpem e detoxifiquem a pele das sujidades e da poluição e que tenham ação antioxidante, mantendo a pele fortalecida e saudável. 

Temos outro conteúdo que aborda o tratamento da acne no link.

3 – Cuidados com a pele com manchas deve ser somente no inverno

Outro mito muito comum sobre os cuidados com a pele é que o tratamento de manchas deve ser realizado somente na estação mais fria do ano. Essa crença vem do passado, quando não se tinha tecnologia dermocosmética tão avançada como atualmente. 

Antigamente, os tratamentos para manchas de peles eram na sua maioria à base de ácidos, que não podem ser utilizados quando se tem a exposição à radiação do sol, como acontece no verão.

Com o avanço da ciência e das pesquisas, surgiram novos recursos de tratamento e ativos que não são fotossensíveis. Ou seja, a exposição do sol não prejudica o tratamento. 

Aliás, os novos estudos têm cada vez mais demonstrado que quem tem problemas com manchas e principalmente o melasma, deve usar produtos controladores da formação do pigmento, que dá cor à pele, de forma constante, o ano inteiro e todos os dias.

O sol é o principal causador das manchas. Por isso a proteção solar é necessária, assim como os produtos para o clareamento, que devem ser aplicados diariamente. Só assim se tem o controle efetivo das manchas que tanto incomodam.

Portanto, trate suas manchas o ano inteiro, mas procure por produtos seguros, registrados, testados e com resultados comprovados.

4 – Quanto maior a porcentagem de vitamina C, melhor. 

Organic bio cosmetics with vitamin C. The concept of Minimalism Flat lay.

Mito! A vitamina C é dos produtos mais conhecidos atualmente para os cuidados com a pele de forma geral. Pois é um ativo multifuncional que traz benefícios incríveis. 

Também é um produto do qual se encontram muitas opções na hora da compra. Nesse momento, surgem muitas publicações com as porcentagens de vitamina C que compõem o produto. O que se imagina em seguida em uma análise rápida é que quanto maior a porcentagem, melhor e mais eficiente é o produto.

Certo? 

Errado!! Vou apontar aqui 3 pontos para você não levar em consideração apenas a porcentagens de vitamina C no produto:

Considere a sinergia dos ativos

O primeiro ponto a se avaliar aqui é que a porcentagem nem sempre garante o melhor resultado. Muitas vezes, pode-se ter uma porcentagem alta de um determinado ativo, mas ele sozinho não consegue resolver todos os fatores envolvidos em uma determinada necessidade da pele.

A pele não é igual para todo mundo, temos vários fatores do nosso dia a dia que interferem na qualidade e na saúde dela. Dessa forma, por mais que se tenha um ativo multifuncional, nem sempre ele vai conseguir agir em todas as frentes que precisamos para obter um rejuvenescimento ou um clareamento com resultados satisfatórios, por exemplo.

Só para dimensionar o tamanho da complexidade da questão, as manchas têm mais de 23 fatores conhecidos na sua formação. Assim como há inúmeras pequenas causas que levam ao envelhecimento da pele. 

O que eu quero dizer com tudo isso? Que não adianta ter uma porcentagem alta de um determinado ativo se a formulação do produto não conseguir resolver o máximo de fatores envolvidos no problema. 

Assim, é mais importante avaliar a formulação em seu conjunto. A sinergia dos ativos da formulação e, principalmente, se o produto tem teste de eficácia que comprove os resultados prometidos. 

Forma de apresentação da vitamina C

O segundo ponto a ser considerado, especificamente sobre a vitamina C, é a sua alta taxa de oxidação. Ou seja, se a vitamina C estiver em sua forma pura, ela tem altas chances de ser oxidada ou de ter a sua função diminuída antes mesmo de entrar em contato com a pele, na própria embalagem do produto.

Este é outro motivo para não se considerar somente a porcentagem do ativo, e sim se a vitamina C tem tecnologia como a nanoencapsulação para preservar a sua funcionalidade.

Embalagem

E um terceiro ponto muito importante a se avaliar em produtos que contenham vitamina C é a embalagem. Como ela é muito fácil de ser oxidada, caso o produto entre em contato com o oxigênio, a vitamina C pode perder parte de seus benefícios. 

E há uma forma bem fácil de visualizar esse acontecimento. Se ao usar a sua vitamina C você perceber ela mais amarelada do que estava quando foi aberta pela primeira vez, é bem possível que parte dela já tenha sido perdida. Por isso, embalagens do tipo airless são muito importantes em produtos com vitamina C. Pois impedem esse contato do produto com o ar atmosférico, garantindo qualidade até a última gota. 

Resumidamente, o meu conselho é: não considere a porcentagem de vitamina C no produto como o fator de maior importância. Procure ver a sinergia de ativos que compõem a fórmula, se a vitamina C é nanoencapsulada e se a embalagem tem contato com o ar. Ah, e claro, observe se o produto com vitamina C possui teste de eficácia que comprove os resultados que ele promete 😉

5- Cremes anti-idade não funcionam

Último mito a ser desmascarado hoje é que os cremes anti-idade não funcionam.

Muitas pessoas acreditam que só cirurgias, botox, preenchimentos, entre outros métodos mais invasivos, são a solução para peles envelhecidas. Isso não é verdade. 

Hoje possuímos a tecnologia a nosso favor, temos ativos nanoencapsulados, vetorizados e biocompatíveis com a pele. Com funções de reverter os sinais, prevenir e preservar as nossas células para que tenham uma vida mais longa. Muitos ativos conseguem estimular fatores de crescimento, preservar a hidratação, mantendo o volume facial e estimular a produção de novas fibras de colágeno e elastina, que dão sustentação à pele. São inúmeros os fatores a nosso favor.

Claro que os dermocosméticos têm os seus limites de atuação. Eles conseguem sim melhorar a qualidade da pele e deixar a aparência mais jovem, mas prevenir sempre é o melhor remédio. 

Portanto, quanto mais cedo se tiver a preocupação em manter a pele saudável usando os produtos anti-idade adequados ao seu tipo de pele, tendo um estilo de vida e alimentação saudáveis. Bem mais tarde serão necessárias intervenções cirúrgicas ou minimamente invasivas para reverter os sinais do tempo. 

Cuide-se, mantenha uma rotina diária de cuidados com a pele e dessa forma as rugas vão demorar muito mais para te incomodar. 

Cuidados com a pele: uma rotina que traz a beleza que faz bem

Criar o hábito de se cuidar é uma forma de fazer o bem para si mesma. É um tempo que todos deveriam reservar para si. 

São alguns minutos diários que fazem muita diferença na autoestima e na qualidade da pele. Isso não vai se refletir somente hoje, e sim por muitos anos. 

Estamos expostos diariamente a muitos fatores que alteram o equilíbrio da pele que nos protege, como a poluição, a radiação solar, a luz de dispositivos móveis, entre outros.

Por isso, faça a higienização adequada e use os produtos indicados para o seu tipo de pele. Use protetor solar, beba bastante água e tenha uma alimentação saudável. Esses são os passos básicos para se manter saudável e de bem consigo mesmo e com a sua idade. 

Cuidar de si mesma é o que compõe a beleza que nos faz bem!

Confira também o post: Três passos diários para ter a pele bonita todos os dias

Lucimara da Cunha 
Cosmetóloga e engenheira química
Analista de marketing e produtos da Extratos da Terra

Máscara Facial: potencialize o seu tratamento em casa

Existem diversos tipos de máscara facial, como aquelas que você pode utilizar para hidratar a pele antes de uma festa ou evento, máscaras pós-eventos com efeito detox e outras máscaras que, além desses benefícios, tratam de forma efetiva, fazendo parte dos cuidados rotineiros da pele. 

O uso de máscara facial é um ritual prazeroso que ao mesmo tempo complementa os cuidados do dia a dia e aumenta a eficiência dos tratamentos de pele.

As máscaras se dividem em máscaras faciais profissionais e máscaras para serem utilizadas em casa. Ambas são ideais para uso de 1 a 2 vezes por semana.

Pensando nisso, a Extratos da Terra lançou recentemente três máscaras de fácil aplicação para serem utilizadas em casa e que ainda possibilitam a combinação de uso entre elas.

As máscaras faciais de uso em casa podem auxiliar no tratamento de clareamento, rejuvenescimento, controle da oleosidade, entre outros. Porém, muitas vezes o seu uso gera dúvidas sobre qual máscara deve ser usada e como deve ser aplicada. Neste post, vamos esclarecer essas dúvidas 😉

Máscara facial: lançamento de 3 novas máscaras de tratamento em casa

Chegaram as máscaras potencializadoras da Extratos da Terra. São 3 versões, uma para cada necessidade, complementando os cuidados com a pele em casa. 

As máscaras possuem ingredientes potentes para o tratamento de marcas escuras, sinais de envelhecimento e controle da oleosidade e da acne. E o melhor, elas podem ser usadas individualmente ou em conjunto.

Assim, ao serem utilizadas em conjunto, é possível criar um tratamento específico para cada pessoa, visto que cada um possui diferentes necessidades nas áreas do rosto.

As máscaras foram desenvolvidas com cores 100% naturais, provenientes das argilas que compõem a formulação, não possuindo corantes artificiais.

Quanto aos benefícios, a Máscara Iluminadora é indicada para a redução de marcas escuras na pele, a Máscara Purificante atua na redução da oleosidade e da acne, e a Máscara Rejuvenescedora trata os sinais da idade. 

Vamos conhecer uma a uma?

Máscara para pele oleosa

A máscara facial mais indicada para quem tem pele oleosa é a Máscara Purificante. Por essa razão que ela intensifica o tratamento de controle da oleosidade, possui ação secativa da acne e auxilia na redução dos poros que são mais aparentes, principalmente nas peles oleosas.

Contém ingredientes que fortalecem e protegem a pele da poluição urbana, além de possuir efeito detox, que purifica a pele e os poros. A máscara também acalma a pele, diminui a vermelhidão e promove uma sensação de refrescância e hidratação imediata após o uso.

Por essa razão, essa máscara pode ser utilizada por quem tem pele com acne e cravos ou também por quem deseja apenas controlar a oleosidade da pele. 

Quer saber como acrescentar essa máscara na sua rotina de cuidados com a pele?

Então, dê uma olhadinha no passo a passo apresentado a seguir.

Para pele oleosa

Utilize a Máscara Purificante com a linha Dermosoft Antioleosidade:

  1. Lave a pele com o Sabonete Refrescante e seque bem.
  2. Aplique a Máscara Purificante em todo o rosto ou em regiões específicas com oleosidade excessiva. Deixe agir por 15 minutos e retire com água. Obs.: pode ser feita a combinação de máscaras nesse passo. 
  3. Aplique o Gel-Creme Oil Control em todo o rosto e não retire. 
  4. Se usado durante o dia, aplique o Pó Multiprotetor FPS 50.

Para pele com acne

Utilize a Máscara Purificante com a linha Dermosoft Antiacne:

  1. Lave a pele com a Espuma Detox e seque bem. 
  2. Aplique a Máscara Purificante em todo o rosto ou em regiões específicas com acnes. Deixe agir por 15 minutos e retire com água. Obs.: pode ser feita a combinação de máscaras nesse passo. 
  3. Em seguida, aplique o Sérum Multissolução em todo o rosto ou então, caso possua somente algumas acnes, pode ser aplicado o sérum Secativo Pontualmente sobre as acnes inflamadas. 
  4. Durante o dia, aplique o Pó Multiprotetor FPS 50 ou o Dermosoft Protect FPS 20. 

Faça esse procedimento uma ou duas vezes na semana e diariamente utilize os outros produtos indicados para a necessidade da sua pele.

Máscara facial clareadora

A máscara indicada para quem tem a pele com marcas escuras, seja pelo sol, melasma ou ainda provocadas pela acne, é a Máscara Iluminadora. Ela reduz as marcas escuras, auxiliando no clareamento da pele.

Contém ingredientes que agem na redução e no controle dessas marcas, iluminam a pele e a deixam com tom mais uniforme. Também melhora a renovação, hidrata profundamente e fortalece a proteção natural da pele. Além de desintoxicar, protege contra a poluição e deixa a pele macia.

Para acrescentar a Máscara Iluminadora na sua rotina de cuidados e intensificar o tratamento de clareamento com a linha Dermolight, siga o passo a passo abaixo:

  1. Lave a pele com a GlycoAcid Detox e seque bem. 
  2. Aplique a Máscara Iluminadora em todo o rosto ou em regiões específicas com marcas escuras. Deixe agir por 15 minutos e retire com água. Obs.: pode ser feita a combinação de máscaras nesse passo.
  3. Aplique o Sérum M-Solution em todo o rosto e não retire. 
  4. Se a máscara for usada durante o dia, aplique protetor solar, de preferência com FPS 50

Faça esse procedimento uma ou duas vezes na semana e diariamente aplique a espuma GlycoAcid Detox e o Sérum M-Solution.

Máscara facial antiaging

Máscara facial antiaging ou anti-idade é indicada para pessoas que querem prevenir o envelhecimento ou que já apresentam os sinais da idade, tais como rugas e linhas de expressão, além de diminuição da firmeza da pele.

A melhor opção para a necessidade dessa pele é a Máscara Rejuvenescedora. Ela trata os sinais da idade, auxilia na redução das rugas e promove efeito lifting logo nas primeiras aplicações. É ideal para quem quer prevenir e reverter os primeiros sinais da idade, suavizando e deixando as linhas de expressão menos profundas.

Por ter efeito antioxidante, uniformiza a pele, deixando-a mais iluminada e com aspecto saudável. A máscara ainda proporciona a sensação de pele macia e hidratada. Porém, essa máscara não é indicada para peles sensíveis.

Para associar a Máscara Rejuvenescedora com outros produtos de uso diário para tratamento dos sinais da idade, siga as instruções abaixo:

  1. Lave a pele com a Dermosoft Clean Espuma de Ácido Glicólico e seque-a bem. 
  2. Aplique a Máscara Rejuvenescedora em todo o rosto ou em regiões específicas da sua pele que necessitam de cuidados anti-idade. Deixe agir por 15 minutos e retire com água. Obs.: pode ser feita a combinação de máscaras nesse passo.
  3. Aplique Dermosoft Revitalize Dermo Vit C em todo o rosto e não retire. Pode substituir a Dermo Vit C pelo seu creme anti-idade usual. 
  4. Se a máscara for usada durante o dia, aplique protetor solar.

Faça esse procedimento uma ou duas vezes na semana e diariamente utilize produtos preventivos e de tratamento para rejuvenescer a sua pele.

Como combinar as máscaras faciais de tratamento em casa

Acima mostramos a indicação das 3 máscaras faciais com base em uma necessidade principal da pele. Porém, muitas vezes possuímos mais de um problema que desejamos melhorar, tais como manchas, rugas e oleosidade, presentes em áreas diferentes do rosto. 

E nesses casos surgem as dúvidas sobre qual máscara usar. Qual tratamento deve ser priorizado?

A boa notícia é que com essas novas máscaras você não precisa mais escolher o que tratar primeiro, é possível cuidar de tudo ao mesmo tempo fazendo a combinação entre as máscaras!

Assim, ao serem utilizadas em conjunto, pode-se criar um tratamento específico para cada pessoa que possui diferentes necessidades em cada área do rosto.

Está confuso?

Calma, vamos esclarecer como fazer esse tratamento em casa de forma fácil e prazerosa.

Identificando as necessidades da sua pele

Primeiro, vamos identificar quais as necessidades da sua pele. Temos seis hipóteses que podem se encaixar na sua pele.Primeiramente, identifique qual opção abaixo é mais próxima de sua realidade e guarde esse número, pois vamos usar mais tarde.

  1. O rosto tem regiões com oleosidade na testa, manchas nas bochechas e linhas de expressão na lateral.
  2. Possui rugas na região dos olhos, manchas na testa, e o nariz e o queixo possuem  muitos cravos.
  3. Tem a pele desvitalizada abaixo dos olhos e manchas espalhadas por todo o rosto. 
  4. Apresenta rugas e linhas de expressão na área dos olhos e pele oleosa.
  5. Possui manchas na bochechas, mas tem muita oleosidade na testa, no nariz e no queixo.
  6. Tem oleosidade na zona T (testa, nariz e queixo), porém também apresenta flacidez e pele desvitalizada. 

Agora que já identificou o tipo de necessidade por região do rosto, vamos relembrar a função principal das três máscaras faciais de tratamento.

Combinando as máscaras

Finalmente, vamos agora montar algumas combinações de uso das máscaras. Para isso, utilize o número correspondente às suas necessidades do rosto, conforme identificado acima e verifique a indicação de uso a baixo:

Para a opção 1: combine as 3 máscaras juntas. Aplique a Purificante na testa, a Iluminadora nas bochechas e a Rejuvenescedora nas linhas de expressão.

Opção 2: combine as 3 máscaras. Use a Máscara Rejuvenescedora na área dos olhos, a Máscara Iluminadora na testa e no nariz, e a Máscara Purificante no queixo.

Opção 3: combine 2 máscaras juntas. Use a Máscara Rejuvenescedora abaixo dos olhos e a Máscara Iluminadora no restante do rosto.

Para a opção 4: combine 2 máscaras juntas. Use a Máscara Rejuvenescedora na área dos olhos e a Máscara Purificante no restante do rosto.

Para a opção 5: combine 2 máscaras juntas. Use a Máscara Iluminadora nas bochechas e a Máscara Purificante nas áreas com oleosidade.

Para a opção 6: combine 2 máscaras juntas. Use a Máscara Purificante na zona T e a Máscara Rejuvenescedora no restante do rosto. 

Portanto, é possível fazer várias combinações conforme a necessidade da sua pele e como você desejar!

E, ao mesmo tempo que trata a sua pele, você se diverte com a textura e as diferentes cores das máscaras.

Agora nos conte, gostou de saber como identificar as necessidades do seu rosto e poder montar o seu próprio tratamento em casa?

9 verdades e 1 mentira sobre a Vitamina C

Uma vitamina muito estudada por causa da sua eficiência é a Vitamina C e é dela que vamos falar hoje!

Muito se fala dos benefícios que as vitaminas podem trazer para a nossa saúde, o ideal seria que todos tivéssemos uma alimentação balanceada e rica nas principais vitaminas e sais minerais necessários ao funcionamento do nosso organismo. No entanto, temos que admitir que isso pouco acontece na prática e que somos o que comemos. Como essa questão de alimentação balanceada não funciona como deveria, acabamos tendo de fazer reposição via oral com alguns suplementos. 

Todos sabemos de sua importante função para o nosso sistema imunológico, tanto que quando ficamos gripados compramos na farmácia comprimidos geralmente efervescentes de Vitamina C. Além disso, a Vitamina C possui grandes funcionalidades para uso cosmético. No início do seu uso na área da cosmética, tinha-se grande dificuldade de mantê-la estável na formulação porque ela oxidava com rapidez. Com o avanço da tecnologia, conseguiram estabiliza-la, evitando sua oxidação na nossa pele e trazendo resultados incríveis.

Para conhecer ainda mais dessa vitaminas, separamos 9 verdades sobre ela:

  • Possui  como principal função a ação antioxidante, que tem o poder de neutralizar os efeitos dos radicais livres, moléculas produzidas naturalmente pelo nosso corpo que provocam diversos danos em algumas estruturas, resultando em doenças e no próprio processo de envelhecimento.
  • É capaz de estimular e aumentar a produção de colágeno na pele, deixando-a mais firme e elástica.
  • A Vitamina C e o filtro solar podem evitar a formação de manchas. Ela ainda proporciona o clareamento da pele.
  • É capaz de proporcionar hidratação prolongada.
  • Possui ação anti-inflamatória.
  • Desempenha um papel fundamental na barreira de proteção da pele.
  • Auxilia na diminuição das linhas de expressão e rugas.
  • Acelera a esfoliação e, consequentemente, o processo de renovação celular.
  • Teoricamente não existe uma quantidade mínima ou máxima de uso de Vitamina C tópica.

E para que ninguém se confunda, é importante lembrar um fato que é mentira sobre a vitamina C:

  • Quanto maior a porcentagem de Vitamina C, melhor. Essa é uma abordagem falsa, como já vimos, a Vitamina C é de grande importância para a nossa saúde e nossa pele, mas o que as pessoas precisam saber é que nem sempre importa a porcentagem de Vitamina C em um cosmético se ele não possui  uma entrega eficiente na pele ou até mesmo se essa vitamina não está estabilizada no produto. Um bom exemplo é a Vitamina C nanoencapsulada, que, além de manter a integridade do produto, entrega praticamente 100% do ativo no local onde precisa agir. Já em um produto que não possui essa tecnologia, a vitamina C pode perder a eficiência antes mesmo de o produto ser absorvido pela pele, diminuindo a sua eficiência. Assim, analise o produto antes da compra e não escolha somente pelo percentual do ativo.

Esperamos ter ajudado com algumas informações, lembrando sempre sobre como é importante cuidar de você! 

Conheça e teste os benefícios dos produtos desenvolvido pela Extratos da Terra em nosso site, extratosdaterra.com.br ou em um de nossos distribuidores.

 

Manchas na pele: Saiba como tratar

Manchas ou marcas escuras da pele, como são conhecidas as hipercromias, são um dos problemas que mais afetam a aparência feminina. 

Elas decorrem de diversas causas e estão relacionadas principalmente a fatores hormonais (uso de anticoncepcional, gravidez, entre outros) e exposição ao sol.

Primeiramente, vamos ver quais são os tipos de manchas:

  • marcas solares, devido ao excesso de exposição ao sol sem proteção
  • marcas senis, decorrentes da idade; 
  • as marcas pós-inflamatórias, que ocorrem depois de algum processo inflamatório na pele, como acne; e
  • melasma, que está relacionado na maioria das vezes a fatores hormonais e exposição ao sol.

Então, como agora você já sabe os tipos de manchas, vamos falar da origem dessas marcas escuras. Elas aparecem devido a produção descontrolada de um pigmento produzido pela nossa pele que se chama melanina.

A principal função da melanina é proteger o DNA das células contra os radicais livres e o estresse causados principalmente pela exposição à radiação solar e por processos inflamatórios. Sendo assim, quanto mais exposição ao sol ou quanto mais agredida a pele for, mais melanina produzirá para se proteger e maiores serão as chances do aparecimento de marcas indesejadas.

Por isso, é sempre bom prevenir a formação de manchas, tomando alguns cuidados para proteção contra os efeito danosos do sol. Por outro lado, se as marcas já apareceram na pele, a baixo temos umas dicas de como tratar em casa.

Como tratar as manchas na pele?

As marcas escuras aparecem normalmente em áreas expostas ao sol. Para clarear a pele de regiões como rosto, pescoço e mãos, principalmente o melasma, é necessário proteger a pele diariamente com protetor solar e usar produtos que fazem o controle da produção de melanina. 

Nessa tentativa de acabar com as manchas, muitas pessoas procuram por receitas caseiras, e aí é que mora o perigo, já que muitas dessas dicas não só não funcionam como também podem gerar marcas ainda maiores na pele. 

Então, se você quiser clarear a pele de forma efetiva e segura, nós da Extratos da Terra recomendamos a linha Dermolight, que é uma linha de clareamento de pele desenvolvida para tratar as diferentes marcas escuras existentes – melasma, pós-inflamatórias e solares.

A linha também auxilia no clareamento de marcas da idade tanto de regiões como rosto, pescoço, colo, mãos, entre outras. Possui produtos para uso de profissionais de estética, mas também contempla produtos para tratar as manchas em casa.

Tanto  os produtos profissionais como os para uso em casa agem da mesma forma em 15 pontos-chaves da formação das marcas escuras e também reduzem as marcas já presentes na pele.  

Como diminuir as manchas em casa?

Você pode tratar as manchas em casa, mas é muito importante monitorá-las e, se observar frequentes alterações em textura ou tamanho. Também é aconselhável procurar um médico para melhor diagnosticar o tipo de mancha, ok?

O tratamento home care é simples e rápido, pois concentra todos os benefícios necessários para o tratamento em apenas três produtos diários e de uso constante. 

Mas, a linha também conta dois potencializadores no processo de clareamento:

  • Máscara iluminadora, para uso de uma a duas vezes na semana
  • Clareador pontual, para aquelas manchas que são mais resistentes como o melasma, devendo usa-lo somente nos locais com esse tipo de mancha.

Dessa forma, esses produtos entregam diariamente doses constantes de ativos que promovem o clareamento da pele e evitam a formação de novas manchas.

Vamos aprender como usar os produtos?

Primeiramente, não se preocupe, a forma de usar é simples, sem complicações, e vou explicar o porquê de usar cada um dos produtos. Então, que tal começar hoje mesmo a tratar as marcas que te incomodam?

Para começar, a rotina de cuidados diários é composta por três passos e 2 que podem ser opcional e potencializadores. São eles:

  1. Limpar a pele com a espuma de limpeza
  2. Aplicar o sérum de controle das manchas
  3. Aplicar o protetor solar clareador

Mas, para quem tem manchas mais resistentes, poderá compor seu tratamento com mais dois produtos.

  1. sérum pontual, após limpar a pele com a espuma
  2. Máscara iluminadora de uma a duas vezes na semana após a limpeza com a espuma e antes do sérum pontual.

Confira como é o passo a passo completo.

Passo 1: limpeza e esfoliação

Primeiramente, vamos limpar a pele como a GlycoAcid Detox e secar bem.

Por que devo usar a GlycoAcid Detox?

Essa espuma prepara a pele para que os outros produtos consigam ter o máximo de eficiência.

Além disso, limpa e diminui a espessura da camada mais superficial da pele, ajudando a eliminar as células mortas que já estão pigmentadas.

Passo extra: potencializando o tratamento

A Máscara Iluminadora não precisa ser usada todos os dias, apenas de 1 a 2 vezes por semana. Passe de forma uniforme por todo o rosto ou, se preferir, use só nas manchas mais evidentes após limpar o rosto. Deixe agir por 15 minutos e retire. Seque bem a pele na sequência.

Por que devo usar a Máscara Iluminadora?

A máscara aumenta a hidratação da pele e você vai perceber o clareamento mais rápidos.

Ela também possui ingredientes que ajudam a controlar a formação de novas manchas.

Passo opcional: clareamento pontual em marcas mais resistentes

Se tiver marcas escuras resistentes ou mais destacadas, aplique o clareador pontual Nanospot somente sobre essas marcas após limpar a pele com a espuma. Deixe absorver e não retire.

Por que devo usar Nanospot?

O Nanospot é para aqueles casos em que as manchas são localizadas e mais intensas. Essas manchas são mais resistentes e demoram mais para serem clareadas.

À medida que se usam produtos para clareamento no rosto inteiro, esse tipo de mancha pode ficar ainda mais destacada, pois as outras regiões da pele ficam rapidamente mais claras.

Por isso, o clareador pontual, que tem ativos mais concentrados, vai trabalhar de forma mais intensa nessas manchas, o que torna a pele mais uniforme.

Passo 2: tratamento diário para redução das manchas.

Aplique o Sérum M-Solution em todo o rosto e não retire. Esses passos devem ser realizados duas vezes ao dia, pela manhã e à noite.

Por que devo usar o Sérum M-Solution?

Esse sérum contém vários ingredientes que impedem a formação de novas manchas e promovem o clareamento das marcas já existentes.

Ele age desde a superfície da pele até a camada mais profunda, onde a melanina é formada. Desta forma, o resultado percebido é uma pele mais uniforme, mais iluminada e mais clara.

Passo 3: proteção solar, prevenção e controle das manchas

Pela manhã, aplique o Tonalizante Clareador em todo o rosto, colo e pescoço, e reaplique sempre que necessário.

Por que devo usar o Tonalizante Clareador?

Primeiro porque o sol é o maior causador das manchas, e de nada adianta passar produtos clareadores se não fizer a proteção contra os raios UV.

Segundo porque o produto também tem ingredientes que controlam a formação de marcas escuras.

E terceiro porque ele é tonalizante e assim ajuda a disfarçar as marcas mais escuras, deixando a pele com tom bem mais uniforme sem a necessidade de usar base.

Uma boa dica é aplicar o Pó Multiproteção FPS 50 sobre o Tonalizante Clareador. Assim a proteção é completa contra os raios UV, contra a luz azul e a poluição digital, que também podem causar as manchas.

O protetor em pó é de fácil aplicação e muito prático para reaplicar durante o dia. Ele pode também pode ser aplicado sobre a maquiagem e faz o controle da oleosidade, deixando a pele matificada o dia todo.

Gostou do conteúdo e quer se livrar das manchas que tanto te incomodam?

Então confira os benefícios completos dos produtos em nosso site. E depois nos conte a sua experiência com a linha Dermolight.

Ah, tem mais um detalhe muito importante: esses produtos podem ser usados o ano inteiro, inclusive no verão. Então, vamos deixar a pele radiante?

Lucimara da Cunha
Cosmetóloga e Engenheira Química
Analista de Marketing e produtos

Microagulhamento: Pele incrivelmente renovada

Você sabe como funciona a técnica de Microagulhamento?

Hoje em dia cresce o número de pessoas que buscam uma pele saudável, iluminada e sem manchas, afinal quem não se preocupa com a beleza da pele?

Mulheres e homens, independentemente da idade, querem se sentir bem e ter uma pele com aparência mais jovem. Por isso, diversos produtos cosméticos contribuem para esse fim, assim como técnicas realizada por profissionais da área da estética, entre os quais está o microagulhamento.

O que é o microagulhamento?

O microagulhamento é uma técnica que promove a regeneração celular, auxiliando no tratamento de cicatrizes de acnes, amenizando manchas, rugas e a flacidez.

Essa técnica é  feita por um instrumento conhecido como roller, o qual contém microagulhas que ao perfurar a pele provoca microcanais na superfície da pele. Como resultado facilita a permeação de princípios ativos e promovendo o estímulo na produção de colágeno e elastina.  

      Primeiramente, a técnica tem duas principais funções:

  1. Estimular a produção natural de colágeno, por promover um processo inflamatório controlado na pele.
  2. Facilitar a permeação de princípios ativos pelos microcanais formados, o chamado Drug Delivery

O processo inflamatório local gerado pelo roller  aumenta a renovação das células (principalmente dos fibroblastos), estimulando o metabolismo celular desse tecido (derme e epiderme) e fazendo com que a produção de colágeno, elastina e outras substâncias presentes no tecido seja aumentada, restabelecendo a integridade da pele.

Para que usar?

  • Clareamento
  • Preenchimento
  • Síntese do colágeno
  • Senescência celular
  • Atrofias
  • Cicatrizes atróficas
  • Permeação de ativos
  • Regeneração celular
  • Flacidez tissular
  • Estrias
  • Rejuvenescimento
  • Tratamento Capilar

Indicação do microagulhamento

São muitas as indicações para o uso do microagulhamento, principalmente como potencializadora de tratamentos estéticos quando associado com ativos que estimulam a produção de fatores de crescimento.

Mas, alguns cuidados devem ser tomados na hora de realizar o microagulhamento, devendo utilizar produtos livre de derivados de petróleo, de parabenos, de corante, de essências, e de preferência com fator de crescimento.

Por exemplo, a Extratos da Terra possui um produto específico para este procedimento, Dermosoft Revitalize Dermo Plus, produto com ácido hialurônico biovetorizado pelo silício, bioativo do Himalaia e hydroxyprolisilane.

Direcionado para o público profissional, esse é um produto multifuncional que serve para todos os tipos de pele e diferentes tipos de necessidade como o rejuvenescimento, preenchimento, ação firmadora e redução de cicatrizes (acne e outros tipos de cicatrizes).

Auxilia principalmente na regeneração dos tecidos, no estímulo de fibroblastos, no aumento da produção de colágeno de forma organizada, na reparação de danos celulares, na melhora da elasticidade da pele e na redução de cicatrizes e rugas. Sendo também um fator de crescimento KGF e EGF.

Através de mecanismo inovador, o exclusivo bioativo do Himalaia estimula a produção de fatores de crescimentos produzidos pelas células-tronco derivadas do tecido adiposo.

Benefícios do microagulhamento

  • Multifuncional – vários tipos de pele e diferentes tipos de necessidade como rejuvenescimento, preenchimento, ação firmadora e redução de cicatrizes
  • Fator de crescimento KGF e EGF
  • Potente anti-aging
  • Renovação epidérmica
  • Atua diretamente no envelhecimento cutâneo
  • Aumenta a produção do ácido hialurônico natural
  • Possui self-filler cutâneo (hidropreenchimento)
  • Estimula a biossíntese do colágeno
  • Utilizado em pré e pós-cirúrgicos
  • Estimula a regeneração da epiderme e atenua rugas

Experimente você também! Proporcione às suas clientes uma pele jovem e cuidada.

Saiba mais sobre sobre como aplicar a técnica em: Como cuidar da pele antes e depois do microagulhamento.

Acompanhe as novidade da Extratos da Terra em nas nossas redes sociais: Facebook e Instagram

Microagulhamento: Cuidados pré e pós

Cuidados antes do microagulhamento e após a sessão são importante para obter os resultados positivos da técnica!

Porém, são necessários alguns cuidados essenciais de preparação da pele, de pós procedimento e principalmente no cuidado na aplicação da técnica, que deve ser realizada por um profissional capacitado.

A técnica consiste na punturação da pele, na qual é usado um equipamento com microagulhas de aço cirúrgico, que deve ter registro na ANVISA e ser descartado após cada aplicação.

As micropunturações estimulam a vasodilatação, aumentam a permeação de ativos e estimulam a síntese do colágeno, auxiliando em vários tratamentos. 

O tratamento certamente pode ser associado a outros recursos nos intervalos das sessões de microagulhamento, sendo essencial tratamentos de revitalização e hidratação neste período.

O cuidado vai desde a hora da decisão por microagulhar até a escolha de um programa de tratamento específico para cada cliente, além dos cuidados com a biossegurança.

É importante lembrar que equipamento ilegal ou mal utilizado compromete sua credibilidade profissional e, muito mais grave que isso, pode comprometer a saúde de seu cliente bem como o resultado esperado.

Cuidados antes do microagulhamento

Primeiramente, os cuidados necessários para microagulhar que devem iniciar 30 dias antes da aplicação:

  • Primeira sessão aplicação de protocolo de limpeza de pele profunda
  • Segunda sessão aplicação de hidratação profunda
  • Terceira sessão revitalização da pele com associação de ativos fundamentais como Vit. C, ácidos de baixa concentração, ativos normalizadores da pigmentação, sempre respeitando a queixa da cliente e necessidade da pele
  • Quarta sessão microagulhamento com uso de fator de crescimento

Lembrando que o uso dos produtos home care são indispensáveis já que os resultados dependem da preparação da pele.

Nos cuidados antes de iniciar as sessões de microagulhamento é importante realizar limpeza, tonificação e proteção solar pois estes cuidados fazem parte do tratamento e devem ser usados diariamente pelo cliente, associando cosméticos hidratantes com fatores de crescimento, vitamina C, clareadores, produtos adequados ao biotipo e fototipo de pele e, claro, a finalização com fator de proteção solar.

Esses cuidados diários fazem com a pele esteja hidratada e nutrida melhorando assim a eficácia da técnica. E não esqueça é preciso interromper o uso de qualquer ácido na pele entre 72 e 48 horas antes de se submeter ao procedimento.

Sugestões de produtos para associar ao microagulhamento

Conheça nossas sugestões de produtos para uso em casa para associar ao seu tratamento:

Em adicional preparamos um vídeo do protocolo de aplicação do microagulhamento.

Cuidados após o microagulhamento

Após a realização da técnica, a pele pode apresentar  leve descamação, vermelhidão, ardor e um leve edema, além de sensibilidade ao frio, calor e principalmente ao sol. Indicamos água termal para atenuar os sintomas.

Não é recomendado o uso de nenhum FPS por até 12h após ter realizado o microagulhamento. Após esse período o fotoprotetor é obrigatório.

Evite exposição solar nos primeiros 30 á 45 dias e sempre usar filtro solar adequado a pele, se puder use com cor para potencializar a proteção, lembrando de reaplicar o fotoprotetor conforme a recomendação na embalagem do produto..

Entre todos esses cuidados, vale salientar que hidratação é a chave de tudo! Precisamos beber água, pois é essencial para mantermos a pele saudável e potencializar o resultado de qualquer tratamento estético.

Não esqueça também de que qualquer cliente deve se submeter a uma cuidadosa ficha de anamnese, onde essa determinará se é viável a aplicação da técnica ou não.

Lembrando sempre que na gestação não é indicado nenhum tipo de tratamento sem autorização prévia de seu médico.

A pele na menopausa

A menopausa é um período importante para toda mulher 

O corpo começa a passar por mudanças, a menopausa é o período fisiológico em que os ciclos menstruais e ovulatórios se encerram e ocorre após a última menstruação da mulher. Antes da definitiva menopausa, a mulher ainda passa pelo climatério, que é o período de transição entre as fases reprodutivas e não reprodutivas, e já nesse momento a mulher começa a sentir as transformações que ocorrem no seu corpo e na sua pele.

A menopausa não tem data marcada, pode ocorrer aos 45 anos, aos 55 anos… Pode iniciar de forma espontânea, cirúrgica, precoce ou tardiamente, o fato é que um dia ela vai chegar e com ela alguns sintomas bastante indesejados. Nesta nova etapa da vida, a mulher vai conviver com a diminuição de produção dos hormônios femininos estrogênio e progesterona, o que gera muitas transformações e que infelizmente possibilita o aparecimento de algumas doenças.

Um dos principais sinais de que a menopausa está chegando é a mudança de comportamento da menstruação ou até a ausência dela. Outro sintoma comum é quando as mulheres identificam ondas de calor intensas e sudorese noturna. A mulher também pode apresentar insônia, ressecamento vaginal, déficit de atenção e memória, perda de massa óssea, mudança no contorno corporal, depressão e maiores riscos de doenças cardiovasculares. Todas essas mudanças trazem efeitos bastante radicais para a pele, como ressecamento, afinamento, presença de rugas, flacidez, sensibilidade de contato e diminuição da resistência.

Falando mais sobre a pele, os sintomas que mais marcantes são:

– Desidratação e ressecamento de toda a pele do corpo, podendo até causar descamação;

– Presença de lesões senis;

– Afinamento e diminuição da elasticidade da pele;

– Presença de telangiectasias, que são aqueles vasos muito finos que aparecem na pele.

Muitas mulheres optam pela reposição hormonal como tratamento, mas é preciso discutir caso a caso com o médico especialista. O tratamento da pele pode ser discutido com um profissional capacitado que tenha uma conduta cosmética adequada. Porém, alguns cuidados e hábitos diários já podem trazer melhoras significativas na qualidade da pele.

Como amenizar os sintomas que a menopausa causa na pele?  

Mudanças de hábitos cosméticos diários e tratamento com profissional especialista podem auxiliar e amenizar os sintomas citados. Reunimos algumas dicas e cuidados essenciais para manter a pele saudável neste período de intensas transformações:  

– Higienização da pele com emulsões e sabonetes com ativos vegetais que preservem a barreira da pele e não causem nenhum tipo de agressão;

– Tonificação após a higienização com loção rica em ativos hidratantes e livres de álcool. O ato da tonificação pode surpreender nos resultados para a hidratação, pois ela é o primeiro passo para uma pele realmente hidratada;

– Proteção e hidratação logo pela manhã, uso do FPS correto e, principalmente, uso de produtos que façam a reposição das necessidades da pele, em especial na fase lipídica, prejudicada pela menopausa. No caso das peles maduras menopausadas, os produtos devem ser ricos em ativos restauradores;

– Hábitos cosméticos noturnos com produtos nutritivos, revitalizantes com fator de crescimento, ácido hialurônico, reposição lipídica e reparadores cutâneos são fundamentais.

Os cuidados com a pele devem se estender ao corpo. A hidratação corporal e dos pés é indispensável nesta fase tão crítica da vida da mulher. 

Alguns produtos que indicamos são:

Dermosoft Day Reverse Creme Anti-Idade Facial

Linha completa Dermosoft Clean

Dermosoft Revitalize Dermo Vit C

Dermosoft Protect Fotoprotetor Facial FPS 50

Pro Vegetal Creme de Massagem Corporal Ômega 7

Amolié

Nessa fase, ainda mais do que nas outras, foque em cuidar de você e em sentir-se bem e saudável! 😉

Conheça e teste os benefícios dos produtos desenvolvido pela Extratos da Terra em nosso site, extratosdaterra.com.br ou em um de nossos distribuidores.

Associação de cosmético com eletroterapia

Inúmeros são os tratamentos com eletroterapia disponíveis no mercado. Muitas clínicas de estética fazem uso de equipamentos para obterem resultados mais rápidos na redução de medidas, gordura localizada, celulite e flacidez. A associação de cosméticos a esses procedimentos pode trazer inúmeros benefícios para o sucesso do tratamento, que vai desde a permeação de ativos que ajudam no problema que está sendo tratado até a proteção das células com ativos antioxidantes, presentes nos cosméticos usados em conjunto.

Equipamentos
Entre os equipamentos mais conhecidos está o ultrassom, normalmente utilizado em regiões como abdômen, coxas e flancos, regiões estas que concentram aquelas gordurinhas mais difíceis de serem eliminadas, assim como a celulite. Aliás, essas condições inestéticas são as queixas mais comuns entre as mulheres, seguidas da perda da firmeza da pele. A técnica de ultrassom promove a quebra das moléculas de gordura, que ficam armazenadas nos adipócitos, transformando os triglicerídeos em ácidos graxos e glicerol, os quais são então transportados pelo sistema linfático para que sejam usados como forma de energia. Ela trabalha através de três mecanismos, sendo o térmico, o químico e o mecânico. Pelo mecanismo térmico, o equipamento promove o aumento da oxigenação. Já no químico, estimula as células a produzirem colágeno e elastina. E pelo mecanismo mecânico, aumenta a permeação de ativos usados em associação com produtos cosméticos.

Falando-se em produtos cosméticos, a associação deles com a eletroterapia poderá trazer resultados surpreendentes, aumentado a eficiência dos tratamentos e potencializando o resultado na redução de gordura localizada e de celulite, e nos tratamentos antiflacidez, pois a técnica com aparelho faz uma parte do trabalho, mas o corpo precisa continuar trabalhando para que o resultado seja visível. Nesse sentido, os cosméticos são grandes aliados, visto que auxiliam na regulação das funções do organismo e no processo de transporte, nutrição e oxigenação necessário após a sessão em cabine.

Para a escolha do cosmético ideal, é muito importante entender como cada equipamento funciona, o que faz e qual mecanismo fisiológico que leva ao resultado prometido, para assim saber qual cosmético poderá potencializar os efeitos do uso da eletroterapia. No geral, os equipamentos aumentam o metabolismo celular e a síntese de colágeno e elastina, bem como favorecem a queda das moléculas de gordura nos adipócitos. Todo esse processo promove fisiologicamente o aumento de resíduos circulantes no corpo, sendo necessária a eliminação deles para melhora na celulite e na gordura localizada, obtendo-se assim resultados mais rápidos e efetivos.

Dessa forma, a eliminação de toxinas é um processo primordial para potencializar os resultados de tratamentos que fazem uso da eletroterapia. Para auxiliar nessa desintoxicação, é importante associar cosméticos antitoxinas e antioxidantes ao tratamento. Conheça um pouco mais sobre os benefícios desses ativos no texto “Ativos antioxidantes e desintoxicantes são peças-chave nos tratamentos corporais”. Para potencializar esses tratamentos com eletroterapia, a Extratos da Terra desenvolveu o Vitta Biolipox C, que, por meio da ação antioxidante e desintoxicante, auxilia na obtenção de resultados mais rápidos nos tratamentos de redução de medidas, de gordura localizada e de flacidez.

Essa novidade já está disponível para compra em nosso site, extratosdaterra.com.br ou em um de nossos distribuidores.

Experimente!