vitamina C para a pele

VITAMINA C PARA A PELE: TUDO O QUE VOCÊ PRECISA SABER PARA ESCOLHER A SUA!

Last Updated on 16 de novembro de 2021 by Lucimara da Cunha

A vitamina C para a pele é um poderoso antioxidante que combate a formação dos radicais livres, ou seja, ela tem a capacidade de proteger as células contra os danos provocados por diversas reações naturais do corpo humano ou pela exposição ao sol. Essas reações estão normalmente relacionadas ao envelhecimento da pele. 

Dessa forma, a vitamina C evita o envelhecimento precoce por proteger as células bem como por auxiliar na produção de colágeno de qualidade e evitar também a sua degradação.

Portanto, o uso de vitamina C na pele é uma das formas de se evitar o envelhecimento, mantendo as células sadias. Por outro lado, diminui os sinais da idade por proporcionar um colágeno de qualidade e bem organizado. Com isso, tem-se o aumento da firmeza da pele. 

Porém, a vitamina C não é produzida pelo organismo, sendo necessária a ingestão ou aplicação de produtos na pele que contenham essa vitamina.

Quando falamos em produtos com vitamina C para a pele, existem inúmeras possibilidades e opções no mercado. Por isso, hoje vamos falar de alguns fatores importantes para serem observados quando você estiver escolhendo a sua vitamina C. 

Toda vitamina C para a pele é igual?

De antemão, a resposta é não! Existem diferentes tipos de vitamina C. Vamos entender por que isso ocorre?

A molécula pura de vitamina C é chamada de ácido ascórbico. Essa é a forma biológica dela como encontramos na natureza e na alimentação. Porém, quando usada na pele, a vitamina C é muito instável e perde a sua eficiência com certa facilidade por uma reação chamada de oxidação. Além disso, o ácido ascórbico se mistura na água e tem afinidade por ela, e por isso a sua permeação na pele é dificultada, já que a camada mais superficial é impermeável à água, ou seja, essa camada repele substâncias que se misturam na água. 

Então, diferentes formas de vitamina C foram desenvolvidas pela indústria para que se pudesse ter produtos de alta eficiência com vitamina C. Dessa forma, surgiram as derivações de vitamina C, que nada mais são do que algumas modificações na estrutura química da vitamina C pura para deixá-la mais resistente e com maior afinidade com as camadas de proteção da pele, porém com os mesmos benefícios. 

Como a vitamina C pura é a forma ativa na pele, é mais fácil de ser reconhecida por ela. Em contrapartida, por ser muito instável, muitas vezes a vitamina C perde a sua eficiência antes mesmo de ser aplicada na pele e tem dificuldade de entrar nela. Agora, as vitaminas C derivadas não têm esse reconhecimento imediato na pele, mas são mais estáveis e garantem que o ativo tenha eficácia por mais tempo. 

Dessa forma, tanto a vitamina C pura quanto as suas similares apresentam os mesmos benefícios antioxidantes na pele, apesar de terem uma estrutura química diferente.

Ainda assim, é importante avaliar outros fatores na hora de escolher a sua vitamina C para a pele. Isso porque, dependendo da embalagem e concentração, alguns produtos têm vantagens extras. Vamos ver mais à frente como a embalagem influencia na eficácia e como não podemos só considerar a concentração de vitamina C na hora de escolher o seu produto. 

Vitamina C pura, nanoencapsulada e vetorizada, qual a diferença?

Além de ter estruturas químicas diferentes, a vitamina C pode estar na sua fórmula livre, nanoencapsulada ou vetorizada. Nesses casos, a diferença principal está no poder de absorção na pele e na resistência à oxidação.

No caso da vitamina C pura, apesar de ser mais fácil de ser reconhecida na pele, ela pode demorar para ser absorvida. E como é um ingrediente estável, ela também pode perder eficácia até conseguir fazer isso.

Já as fórmulas nanoencapsuladas garantem a estabilidade do ingrediente, pois existe uma cápsula que protege a vitamina C contra a oxidação. Essa cápsula também é de tamanho muito pequeno, fazendo com que a vitamina C consiga chegar até as camadas mais profundas, tendo com isso a sua ação antioxidante potencializada. 

Igualmente como as nanoencapsuladas, a vitamina C vetorizada está protegida por outros componentes ligados a ela e que direcionam essa vitamina C para as camadas mais profundas, dificultando a oxidação e preservando os seus benefícios. 

Embalagem x eficácia da vitamina C

Chegou a hora de entender como a embalagem pode ser tão importante em produtos com vitamina C para a pele. 

Na hora de comprar a vitamina C, verifique em que embalagem ela está armazenada. As mais seguras e que não permitem a oxidação são as airless. Essas embalagens têm uma estrutura interna diferente das outras que não permite que a fórmula entre em contato com o ar. Isso é importante porque é o oxigênio que promove a reação de oxidação, ou seja, em contato com o oxigênio a vitamina C tem grande chance de perder a sua função antioxidante. 

Veja como é a estrutura interna de uma embalagem airless e como ela funciona:

Como funciona uma embalagem airless

Em outras palavras, embalagens como bisnagas e frascos comuns permitem a entrada de ar pela saída do produto, e assim a vitamina C tem mais chance de perder a sua eficácia. 

embalagem airless da vitamina C

Por outro lado, embalagens airless não permitem o contato com o ar, o que garante que a vitamina C não oxide antes mesmo de ser usada na pele. 

Por exemplo, imagine que você está comprando uma vitamina C pura, que, como já vimos anteriormente, é a mais bioativa na pele, porém mais instável. Esse produto está armazenado em uma bisnaga comum, do tipo que, quando você abre a tampa para usar, consegue ver o produto. Bom, aqui temos dois fatores de risco para a oxidação: ela está pura e está em contato direto com o ar. 

Por outro lado, tem outra vitamina C que possui uma vitamina C nanoencapsulada e que está em uma embalagem do tipo airless. Esta, por sua vez, está duplamente protegida pela cápsula da vitamina C e pela embalagem que não permite o contato com o oxigênio. Portanto, é provável que esta última tenha mais eficácia quando comparada à anterior. 

Concentração vitamina C x resultado

Achar que quanto mais vitamina C um produto tiver melhor o seu resultado é comum e até parece que faz sentido, porém é um grande mito.

Não é uma concentração maior de vitamina C que vai garantir o melhor resultado. Já vimos antes que a embalagem e o tipo de vitamina C fazem diferença na eficácia de um produto. Por isso, não adianta ter altas concentrações se a vitamina C oxida antes de usar. 

Outro estudo em relação à vitamina C foi publicado no Journal of Clinical and Aesthetic Dermatology, que mostrou que uma vitamina C com concentração acima de 20% não aumenta os benefícios para a pele; pelo contrário, pode causar irritação.

Esta é mais uma amostra de que nem sempre só uma concentração mais alta de um ingrediente significa que o produto trará mais resultados. 

Outro fator a se considerar é quando se compara a concentração de uma vitamina C na sua forma livre com a de uma vitamina C nanoencapsulada. Vários estudos mostram que as nanocápsulas potencializam os resultados em até 10 vezes em comparação ao ativo livre. Ou seja, uma vitamina C nanoencapsulada pode ter menor concentração do que uma em sua forma livre ou pura, mas com efeitos iguais ou melhores. 

Outro fator ainda é que muitas vezes a vitamina C está associada ou combinada com outros ativos, os quais vão potencializar os seus efeitos, e como temos inúmeros outros ingredientes, há uma imensa combinação que pode ser feita e diferentes resultados. Portanto, não é só concentração que importa. 

O Sérum Vit C é a vitamina C mais completa para a pele

Nós da Extratos consideramos todos esses fatores quando a nossa vitamina C foi desenvolvida. Ela é nanoencapsulada e está em uma embalagem airless sem contato com o oxigênio. Além disso, foi submetida a testes em laboratórios especializados que comprovaram que o Sérum Vit C não oxida.

Nossos testes revelaram que a nossa vitamina C possui estabilidade de 98% mesmo quando exposta a temperaturas elevadas, mostrando ser estável por longos períodos. 

vitamina C para a pele
Sérum Vit C

Além disso, ela possui uma combinação de superantioxidante e mais de um tipo de vitamina C em sua formulação. Possui, além da vitamina C nanoencapsulada, o extrato de kakadu, fruta com a maior concentração de vitamina C do mundo. O kakadu possui cerca de 100x mais vitamina C que a laranja. O extrato de kakadu promove resultados visíveis na pele com a redução das rugas, o aumento da firmeza, o preenchimento de linhas de expressão, mais brilho em peles opacas e envelhecidas e redução do aspecto avermelhado e uniformização do tom da pele. Confira o resultado somente desse ativo na redução de rugas em 30 dias com aplicação de duas vezes ao dia.

Redução de rugas com o Extrato de Kakadu
Redução de rugas com o Extrato de Kakadu

Maravilhosa essa diferença, não é mesmo? Imagina então o extrato de kakadu associado à vitamina C nanoencapsulada mais o ácido ferúlico e o resveratrol? Esse resultado é potencializado!

O Sérum Vit C, além do seu efeito antioxidante, também tem outros benefícios como:
Serum Vit C
  • Facilita a distribuição de vitamina C em todas as camadas da pele
  • Hidrata a pele de forma prolongada
  • + 144% de colágeno tipo I
  • + 59% de ácido hialurônico
  • – 73% rugas e linhas de expressão
  • Previne e trata os sinais de envelhecimento
  • Uniformiza o tom da pele Facilita a distribuição de vitamina C em todas as camadas da pele
  • Hidrata a pele de forma prolongada
  • + 144% de colágeno tipo I
  • + 59% de ácido hialurônico
  • – 73% rugas e linhas de expressão

Ainda assim, o Sérum Vit C passou por testes de eficácia para comprovar os seus efeitos perceptíveis para quem usa o produto. 

Esses testes revelaram que, com apenas 30 dias de uso do sérum, os voluntários perceberam grande melhoria na pele. Confira os resultados abaixo:

  • 73,3% das voluntárias acharam que o produto reduziu/suavizou as rugas e linhas de expressão
  • 73,3% acharam que o produto melhorou a firmeza da pele
  • 76,7% perceberam que o produto uniformizou o tom da pele
  • 76,7% disseram que o produto deixou a pele com aspecto mais jovem
  • 86,7% sentiram a pele mais hidratada
  • 63,3% acharam que o produto promoveu o clareamento da pele (redução de manchas)
  • 76,7% perceberam a pele mais luminosa
  • 86,7% disseram que o produto não deixou a pele oleosa

Que a vitamina C é ótima para manter a pele saudável e diminuir os efeitos da idade quase todo mundo já sabe. Mas você tinha ideia de todos esses detalhes sobre esse ingrediente?

E agora, já montou o seu checklist de observações para quando for escolher a sua vitamina C?

Um comentário em “VITAMINA C PARA A PELE: TUDO O QUE VOCÊ PRECISA SABER PARA ESCOLHER A SUA!”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.